sábado, 31 de dezembro de 2011

O elogio a Nolito

É um jogador fascinante, intenso nas ações em que participa, talentoso na condução da bola e suficientemente frio para, chegado ao momento da verdade, decidir com a serenidade de um monge tibetano e a pontaria de um pistoleiro quase infalível. Nolito conserva ainda o gene competitivo que traz da infância, aguçado pelo temperamento indomável de quem se agarrou à bola para evitar a derrota social a que parecia condenado nas ruas pobres de Sanlúcar de Barrameda, no sul de Espanha.
Quando chegou ao Benfica, no início da época, transportava motivação e confiança inabaláveis. Assente em qualidade técnica e atrevimento, Nolito foi surpreendente na rápida adaptação às ideias de Jorge Jesus e no modo como acrescentou soluções ofensivas jogando em constantes diagonais da esquerda para o meio. Podemos acusá-lo de não ter uma ampla visão do jogo; que só progride em movimentos individuais ou sucessivas tabelas curtas com as quais vai ganhando terreno; mas faz tudo em velocidade, com precisão e sempre focado na baliza contrária. Não há outro como ele na Liga portuguesa.
Com o tempo foi perdendo espaço mas continua a sustentar a ideia de que tê-lo como suplente é daqueles luxos só ao alcance das grandes equipas. Nolito, que acredita nele próprio até à insolência, é precioso em qualquer circunstância: quando sai do banco agita as águas (como frente ao Marítimo); se entra de início é o primeiro a reclamar protagonismo (como se viu com o Rio Ave). O estilo eletrizante que utiliza para abordar os adversários e seguir viagem sempre com destino definido é uma das suas imagens de marca. Pode ser deselegante na corrida e pouco ortodoxo em determinados gestos técnicos mas, em menos de meia temporada, assinou 10 golos. Não é perfeito? Não, mas é um grande jogador.
(Rui Dias, in Record)

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Deve-se pensar antes

Segundo o advogado de Rúben Amorim ele está triste por não estar junto dos colegas a treinar.
Vem tarde a tristeza!
É incrível como uma pessoa que devia estar grato ao Benfica por fazer parte do plantel, mais a mais sendo benfiquista e sabendo da crise que todos vivemos, ser capaz de ter atitudes como a que teve e fazer declarações como as que fez há alguns meses aquando dum estágio da selecção.
Esquece-se que o tempo de futebolista é curto e que o Benfica ainda lhe pode valer muito no futuro.

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

O especialista falou

Esta só pode ser para rir.
O homem consegue enganar a Europa mas não nos engana a nós.
O líder portista falou na condição de especialista na conjugação do êxito desportivo com o negocial e aproveitou para lembrar que o FC Porto é o clube com mais títulos conquistados no século XXI, tendo ganho, neste período, quatro troféus internacionais (uma Liga dos Campeões, uma Taça UEFA, uma Liga Europa e uma Supertaça Intercontinental).(in, A Bola)

O Amorim endoidou?

Aqui há tempos foram as declarações aquando dum estágio da selecção. Agora discute com Jesus por não ter entrado depois de ter aquecido durante o jogo com o Rio Ave (?).
Compreende-se agora o porquê da chamada de André Almeida que estava emprestado ao U. Leiria.
O Rúben é bom jogador e até admito que queira jogar mais, mas ele tem de ter noção que neste momento, em circunstâncias normais, não tem lugar no onze do Benfica. E mais, sendo benfiquista, deveria conversar e não discutir, se é que está insatisfeito.
E agora? Quanto a mim terá de ser cedido a um clube onde possa jogar e valorizar-se tendo em conta uma futura venda.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Grande Fábio!

Fábio Coentrão, outrora sportinguista, converteu-se ao benfiquismo. E que conversão!
«Sou maluco pelo Benfica», disse ele ao Record.
E mais, «quero voltar um dia ao Benfica».
Que saudades temos do caxineiro. Com ele nesta equipa estaríamos na liderança isolados.
Desejo-lhe toda a sorte do mundo.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Balanço de meia época

Com as férias natalícias a decorrer, quer no futebol, quer em todas as principais modalidades de pavilhão, na categoria sénior, o balanço é muito bom, quase óptimo.

A equipa de futebol regista apenas uma derrota, que infelizmente nos custou a eliminação da Taça de Portugal, mas nas outras duas provas (campeonato e liga dos campeões) ainda está invencível, no comando do campeonato (em igualdade com a equipa do "sistema") e apurado para os oitavos-de-final depois de ter sido primeiro no Grup C. Vem aí a 3 de Janeiro a Taça da Liga, única prova em que ainda não jogámos. Depois, dia 8 haverá novamente jogo do campeonato (14ª jornada) frente ao U. Leiria, na Marinha Grande.

A equipa de andebol é a única que destoa, apesar de estar na luta em todas as competições, ao registar 4 derrotas e 1 empate no campeonato que apenas volta a jogar-se a 4 de Fevereiro com a realização da 18ª jornada.
Em Janeiro jogará a selecção e deveria realizar-se a Supertaça em Portimão. No entanto, por questões financeiras foi cancelada, o que é pena pois o Benfica foi o último vencedor da prova.
Apesar de ser uma excelente equipa, é algo irregular. Mesmo assim estou confiante.

A equipa de basquetebol perdeu a invencibilidade este domingo frente ao Lusitânia nos Açores, mas comanda o campeonato e está na Taça, depois de já ter vencido por duas vezes a equipa da corrupção, tendo uma delas valido a conquista da Taça António Pratas.
A 14 de Janeiro reata-se o campeonato frente ao CAB Madeira na Luz.

A equipa de futsal ainda está invencível e na liderança do campeonato, registando apenas dois empates com o Sporting, mas já os tendo vencido na conquista da Supertaça.
O campeonato (17ª jornada) reata a 14 de Janeiro sendo o adversário a equipa do AMSAC, actual último classificada (14º lugar).

A equipa de hóquei em patins está invencível, apenas com um empate no campeonato (HC Braga) e outro nas competições europeias (VIC). Mesmo assim está em 2º lugar.
O campeonato reata em 7 de Janeiro com um Benfica-Gulpilhares a contar para a 10ª jornada.

A equipa de voleibol foi a mais brilhante até agora pois conta por vitórias todos os jogos realizados, 11 para o campeonato, 1 da Taça de Portugal e 1 da Supertaça, que lhe valeu a conquista do troféu.
O campeonato (15ª jornada) reata a 7 de Janeiro frente ao Caldas, e já nos próximos dias 28, 29 e 30 deste mês  a equipa participa num Torneio Internacional na Holanda que por sinal venceu na época passada.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Amigos da onça

Que o Porto e a Académica são amigos todos sabemos.
Mais uma vez o clube de Coimbra foi comido pelos seus amigos da onça!
Parece que há pouco tempo atrás o Palermo de Itália, clube do Micoli, se interessou pelo jogador Éder(zito) e estava disposto a pagar 1,5 M€ por ele. Porém, ele não quis porque teria outra ideia para a sua carreira.
Soube-se agora que a questão é que tinha já um acordo com os corruptos. E o mais grave é que ainda não chegámos a Janeiro e já veio à estampa o acordo entre o jogador e o clube azul para as próximas 4 épocas.
E a Liga vai fazer alguma coisa? Claro que não pois para isso era preciso que a Académica se queixasse e isso nunca acontecerá provavelmente porque o Pedro Emanuel estará a ser pago pelo ex-clube, ou então já têm promessa de empréstimos futuros. Fica tudo entre amigos!

Parabéns à Cálem

A Porto Cálem disponibilizou 200 garrafas da sua colheita de 1961 para comemorar o 50º aniversário da conquista da 1ª Taça dos Campeões Europeus pelo Benfica.
Sendo uma empresa da zona do Porto e sabendo-se como são vingativos os adeptos do principal clube daquela zona, foi um acto de coragem, ou de benfiquismo, sei lá.
Provavelmente sofrerão boicote aos seus vinhos no futuro.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Impensável há alguns anos atrás

O maior exemplo de longividade no Benfica chama-se Luisão. Mas, não é o único, o que prova que o clube recuperou a credibilidade e voltou aos patamares de competitividade do passado, depois duma longa travessia do deserto que lhe valeu um jejum de campeonatos entre 1993/94 e 2004/05.
Além de Luisão, a caminho da 9ª época de águia ao peito, Maxi Pereira e Cardozo vão na 5ª (2007/08) e Aimar vai na 4ª.
Agora o recém chegado Artur, com contrato de 4 anos e apesar da crise financeira mundial, quer porventura terminar a carreira no Benfica e para isso até já comprou casa em Lisboa.
Espero que, apesar da crise, o Benfica continue neste caminho, lutando de igual para igual pelos títulos em todas as provas em que participa e cativando os jogadores estrangeiros a quererem jogar de águia ao peito.

domingo, 18 de dezembro de 2011

São doidos!

Os dirigentes do Estudiantes da Argentina querem oferecer como contrapartida pelo possível empréstimo de Enzo Pérez o lateral esquerdo Benitez, ex-FC Porto.
São doidos os homens. Mas alguém quer no Benfica o refugo do Porto?

sábado, 17 de dezembro de 2011

Resultados das modalidades Gloriosas

A equipa de voleibol do Benfica foi vencer o Leixões em Matosinhos por 3-0, com os parciais de 25-19, 25-9 e 25-16, somando 12 vitórias em igual nº de jogos no campeonato nacional da modalidade.
Se somarmos as estas 12 mais a vitória na Supertaça frente ao Fonte do Bastardo e na Taça de Portugal frente ao Sp. de Espinho, perfaz um total de 14 vitórias e nenhuma derrota.
E apenas 4 sets sofridos, salvo erro. Fantástico!
No entanto, a experiência da época passada deve ser sempre lembrada para não embandeirarmos em arco.

A equipa de hóquei conseguiu um excelente empate (4-4) em Espanha, frente ao VIC, em jogo do Grupo G da Liga Europeia.
Cacau (2), Sérgio Silva e Luís Viana, foram os autores dos golos.

A equipa de andebol voltou a perder (25-28) com o Madeira SAD, desta vez na Madeira. É uma pena esta excelente equipa ser algo irregular.
Certo que falta muito campeonato, haverá uma 2ª fase, mas não convém perder mais pontos, sob pena de hipotecar as aspirações de vencerem o campeonato.

A equipa de basquetebol foi vencer o Terceira Basket nos Açores por 101-73 (50-35 ao intervalo).
Foi a 10ª vitória em igual nº de jogos.

A equipa de futsal não jogou devido aos compromissos da selecção nacional da modalidade.

Amanhã haverá novo jogo da equipa de basquetebol, desta vez contra o Lusitânia, na ilha Terceira-Açores.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Javi vitalício

O médio espanhol Javi Garcia é um dos pilares do Benfica. É um jogador de garra, de antes quebrar que torcer, apesar de não ser um cepo.
Já deu mostras que adora o Benfica e o clube precisa dele.
Sendo assim, nada mais natural e justo que prorrogue a duração do seu contrato que termina em 30 de Junho de 2013.
Oxalá seja verdade a notícia da vontade do Benfica em alargar o prazo do actual contrato para Junho de 2017.

domingo, 11 de dezembro de 2011

Benfica derrota o FC Porto

O Benfica derrotou a equipa da corrupção por 79-69 em jogo da 9ª jornada do campeonato nacional, mantendo a invencibilidade e assumindo o comando isolado.
Foi um jogo muito emotivo, como aliás se esperava, em que as defesas estiveram muito bem, sobretudo a do Benfica, sobressaindo neste aspecto Seth Doliboa que jogou praticamente o jogo todo, impedindo o americano Greg Stempin de ser o elemento preponderante que costuma ser.
O melhor concretizador foi o habitual Ted Scott que gosta de assumir riscos.
Grande trabalho também de Betinho Gomes que também foi dos melhores concretizadores da partida e ainda conseguiu arrancar várias faltas a Carlos Andrade.
Elvis Évora quase prejudicava a equipa ao contestar uma falta, levando falta técnica, valendo o falhanço de 3 lances livres por parte do experiente José Costa. Foi um dos momentos decisivos do jogo, até porque logo de seguida foi a vez do Benfica beneficiar duma falta anti-desportiva cometida por João Santos e muito bem aproveitados os lances livres por Ted Scott.

Benfica elimina Sp. Espinho

O Benfica recebeu e venceu o Sp. de Espinho por 3-1 (25-22, 24-26, 25-23 e 25-17), eliminando os tigres da Taça de Portugal de voleibol. 
Uma pena terem jogado logo na 1ª eliminatória as duas melhores equipas portuguesas.
Se o Benfica já era o principal favorito, agora ainda mais.

sábado, 10 de dezembro de 2011

Andebol - Benfica nos quartos da Taça

O Benfica foi a Braga vencer o ABC por 28-24 eliminando os bracarenses e seguindo para os quartos-de-final da Taça de Portugal.
O Benfica apenas esteve a perder no iníco e por 5-3, depois esteve sempre na frente com vantagens entre 3 e 5 golos. Ao intervalo 14-10.
Na 2ª parte, o Benfica alargou a vantagem para 6 golos, mas passou por um período de desconcentração por volta dos 20 minutos, permitindo aos endiabrados jovens bracarenses chegar a apenas um golo de diferença, 23-24. O técnico do Jorge Rito pediu um minuto que surtiu efeito porque a equipa encarnada alargou a vantagem para 4 golos de diferença.
Resultado final: 28-24

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

O FCP está à venda?

Duvidam? Leiam abaixo!
«Os dragões estão agora mais receptivos do que nunca a vender alguns dos seus activos mais valiosos. A eliminação da Champions, a urgente necessidade de liquidez e até algum excesso de alternativas para uns quantos lugares da equipa são razões fortíssimas para o FC Porto poder agora abrir mão de alguns dos seus jogadores sem que isso coloque em causa as legítimas ambições do clube em revalidar o título nacional e defender o da Liga Europa.
A verdade é que é um desperdício, especialmente nos tempos que correm, ter tanto capital empatado para quem acabou de sair da Champions, igualmente da Taça de Portugal, e pode muito bem dar conta do recado com o que tem ou ainda o que está para vir. Como Danilo, que chega em Dezembro e ficou por qualquer coisa como quase 18 milhões de euros, Cristian Atsu, emprestado ao Rio Ave, e talvez um ponta-de-lança. Como Teófilo Gutierrez, por exemplo, que é de quem se tem falado mais. O avançado é companheiro de Radamel Falcao na selecção colombiana.
Na linha da frente, nesta montra com preços menos inflacionados do que no Verão - as cláusulas de rescisão serão agora uma referência nas operações de transferência que estão em vista ou até mesmo já em cima da mesa - estão Rolando, Fernando e Álvaro Pereira, defesa colombiano que a administração portista segurou em Outubro com a melhoria de contrato, extensão do mesmo e subida do montante da cláusula a troco de maior abertura e disponibilidade negocial já em Janeiro ou no máximo no final do ano.
O encaixe com a saída de dois ou mesmo três destes jogadores desta lista prioritária, mesmo não respeitando os valores das respectivas cláusulas, permitiria o ambicionado desafogo financeiro para os dragões. Guarín, Sapunaru e Fucile seriam outras soluções a ter em conta em operações conjuntas, assim como, no fim da lista, mas com preço já tabelado... João Moutinho. Jóia da coroa azul e branca muito desejada pelo Chelsea, sobretudo por Villas Boas.»

Não foi brilhante, mas ...

Deu para garantir os três pontos e o 1º lugar do Grupo C.
O Benfica tinha tudo para conseguir uma vitória robusta na despedida da fase de grupos da Champions. Jogava em casa contra o último ainda sem qualquer ponto e marcou logo aos 7 minutos por intermédio de Cardozo, de pé direito. Porém, as coisas não saíam conforme o pretendido e a exibição esteve muitos furos abaixo do expectável.
Para a história fica a vitória.
Aguarda-se agora com expectativa o nome do adversário para os oitavos e que sairá deste lote:
AC Milan, Zenit, Marselha, Lyon, Bayer Leverkusen, CSKA e Nápoles.
O diabo que escolha, não que sejam tubarões como o são o Real, o Barça, o Bayern, mas porque qualquer deles será um adversário bem chato!

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

De corda ao pescoço

O FCP está mesmo mal em termos de finanças. Os casos que surgiram nestes últimos dois dias são mais que muitos.
Mas, aqui vou falar apenas de Iturbe, o novo Messi.
Ora bem, o novo Messi ainda não se estreou de dragão ao peito e por isso parece que se desvalorizou.
O FCP comprou 60% do passe por 4,25 milhões. Agora vendeu 11%  por 750 mil. Façam as contas e vejam se não perderam dinheiro.
Estão mesmo com a corda ao pescoço!

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Lembram-se de cada uma

Vídeo hilariante!

Sportinguista convencido

«Só me espanta que haja gente que se espante. Depois dos túneis, do apagão, do duche, vem a jaula, como virão no futuro muitas outras incidências. Faz parte de uma cultura competitiva que infelizmente parece arreigada e que recorrentemente produz destas pérolas. E não vale a pena cortar relações; já foi feito no passado, nada adianta, e a verdade é que quem participa na Liga são as SAD, e as empresas não se zangam, competem.
OSporting tem de pagar os estragos que os adeptos provocaram e o Benfica terá de responder pela quebra das regras de segurança que existiram e, já agora, a Liga que se assuma e castigue essa execrável prática dos lasers que atormentaram durante todo o jogo os atletas do Sporting. A resposta tem de ser outra.
No dia 21 de dezembro, se tudo correr normalmente, o Sporting receberá o Benfica em Alvalade, para a Taça de Portugal. Nessa altura o Sporting terá oportunidade de mostrar a diferença. Não metendo os adeptos do Benfica em zonas ditas de conforto, não atrasando as entradas, não os encafuando a dois e dois por fila, cultivando o espetáculo e o desportivismo.
A resposta deve ser dada em campo; jogando e provando a superioridade que apenas a infelicidade não permitiu materializar na Luz, reeditando a jornada gloriosa dos 5-3, apoiando a equipa sempre. Vamos cair (no sentido desportivo, claro) em cima do Benfica e eliminá-lo da Taça. Ficará dada a resposta, para que fique claro, muito claro, que em cada sportinguista, há um leão que, respeitando sempre o seu adversário, não se deixa nunca enjaular.» (Carlos Barbosa da Cruz, in Record)

Há sempre alguém que nos surpreende. Este desconhecido (para mim) Carlos B. Cruz é um deles.
Além da basófia sobre uma vitória garantida num eventual jogo da Taça de Portugal, ainda tem a distinta lata de considerar o Benfica um clube de truques e golpes baixos. Vai-te curar sportinguista convencido!

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Os simuladores "corruptos"

Beto, o grande guarda redes do clube corrupto que está emprestado ao Cluj da Roménia, treinado por outro (ex) corrupto, fez uma simulação grosseira para evitar que o adversário marcasse e ele fosse considerado o carrasco da equipa.
Vejam ao minuto 2,20 do vídeo!
Na semana passada sofreu um golo por ter tentado driblar um avançado adversário.
É mais uma prova de que naquele clube corrupto se treina muito as simulações. Está-lhes no sangue, mesmo jogando noutros clubes.
Lembram-se do penálti do Hulk no último Porto-Sp. Braga? Pois é, o maior simulador a actuar em Portugal não queria que fosse penálti mesmo tendo dado um golpe de tesoura ao jogador do Braga.

domingo, 27 de novembro de 2011

Foi um sábado Glorioso

Ontem foi um sábado GLORIOSO!
A equipa de futebol sénior derrotou por 1-0, golo de Javi Garcia, o rival Sporting na Luz, perante uma enorme moldura humana, mais de 63.000 espectadores.
Para já na liderança isolada, após 11 jornadas, com 27 pontos.
A equipa de futsal derrotou a Académica, na Luz, por 3-1, com golos de Joel Queirós, Davi e César Paulo.
Manutenção da liderança isolada.
A equipa de basquetebol derrotou a Académica, em Coimbra, por 74-66, em jogo da 7ª jornada.
Manutenção da liderança, agora com 14 pontos.
A equipa de andebol derrotou os montenegrinos do HC Lovcen Cetinje por 25-21,  em jogo da 1ª mão, da 1ª eliminatória da Taça das Taças.
Hoje joga-se a 2ª mão, também na Luz.
A equipa de futebol júnior foi vencer o Louletano, em Loulé, por 2-1, continuando a recuperação depois dum começo de campeonato medíocre.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Um sportinguista contra a corrente

Jorge Gabriel, o apresentador da RTP e conhecido sportinguista disse no seu artigo de opinião semanal no Record, «Receio ter de contrariar, veementemente, as posições extremas assumidas pela direção do Sporting após serem conhecidas as medidas de segurança adotadas pelo Benfica. Encarar as divisões impostas, entre adeptos, como uma afronta revela um total desconhecimento, ou esquecimento, dos habituais confrontos que obrigam o erário público a despender milhares de euros para disciplinar insurrectos que envergonham qualquer cidadão, e também o emblema de Stromp. ...»
Como vêem nem todos os sportinguistas estão contra a medida do Benfica. Tanto alarido porque lhes convém chamar a atenção.

E mais nada!

Os dirigentes do Sporting que forem com os adeptos para a caixa de segurança vão ser revistados como qualquer elemento da claque.
E ainda, se não saírem 10 minutos antes de terminar o jogo, vão ter de esperar para serem escoltados pela PSP na saída.
Não enganam ninguém estes lagartos, estão a usar a "jaula" como pretexto para darem motivação extra aos jogadores e adeptos.
Compete aos jogadores do Benfica mostrarem quem manda na Luz!

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Mais um sorteio adverso

O sorteio da Taça da Liga não foi nada amigo do Benfica, ao contrário foi bondoso com o FC Porto.
Vejamos os grupos:
Grupo A
Sporting
Rio Ave
Gil Vicente
Moreirense

Grupo B
Benfica
V. Guimarães
Marítimo
Santa Clara

Grupo C
SC Braga
Nacional
Portimonense
Penafiel

Grupo D
FC Porto
P. Ferreira
V. Setúbal
Estoril 

Claramente o FC Porto teve o melhor grupo e mesmo o do Sporting e do Sp. Braga são menos difíceis.
Mas, é com estes que teremos de jogar e pronto.

Os jogos do Benfica:
1.ª jornada (2/3 Janeiro)
V. Guimarães-Benfica
Marítimo-Santa Clara

2.ª jornada (18 Janeiro)
Benfica-Santa Clara
V. Guimarães-Marítimo

3.ª jornada (4/5 Fevereiro)
Benfica-Marítimo
Santa Clara-V. Guimarães

Sensacional Artur!

O guarda redes Artur Moraes foi uma muralha no jogo desta noite frente ao Manchester United, em Old Trafford.
Já fez grandes jogos desde que está no Benfica, nomeadamente contra o Twente na Holanda no play-of da Champions e contra o Porto no Dragão, mas este foi de certeza o melhor. Salvou dois ou três golos certos com as suas saídas a encurtar o ângulo de remate.
Se o Benfica já garantiu o apuramento para os oitavos de final, deve-lhe sobretudo a ele, embora não tenha sido o único a rubricar uma grande exibição.
Que grande aquisição o Benfica fez!

sábado, 19 de novembro de 2011

Vitória muito suada em Barcelos

A equipa de basquetebol do Benfica foi vencer por 85-80 ao Basquete Barcelos.
Vitória muito difícil na caminhada para o título.
Assisti ao jogo via internet pela TV Minho, sem som e com muitas paragens por isso não posso falar muito sobre o jogo. No entanto, pareceu-me que a equipa de arbitragem fechou os olhos à extrema agressividade dos jogadores de Barcelos, sacando ainda alguns faltas inventadas a jogadores do Benfica.

Quanto ao andebol, perdemos no Dragão Caixa imerecidamente. Estivémos sempre na frente do marcador durante a 1ª parte e quase toda a 2ª, salvo um empate ou outro, até que o Porto passou para a frente apenas aos 22-21, o Benfica empatou a 22 e eles marcaram de novo e venceram. Esforço inglório!
A arbitragem ao expulsar Rui Silva ainda na 1ª parte deu um bom empurrão aos corruptos. 

Hoje há clássico

Realiza-se hoje o clássico FC Porto-Benfica em andebol no Dragão Caixa.
Infelizmente não deve ser possível aos benfiquistas entrar naquele antro corrupto porque os porcos que lá habitam não nos deixam entrar.
Sendo assim, teremos de torcer por fora, via RTP2, a partir das 15,05 horas.
É extremamente importante não perder este jogo para não deixar a equipa azul não se afastar na classificação. No momento, a diferença é de apenas um ponto favorável ao adversário. 
Como vencemos na Luz, o empate já seria um óptimo resultado porque nos daria vantagem num eventual desempate entre ambos.
Força Carneiro e companhia!

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Azar!

Quando tudo indicava que seria novamente titular fez uma entorse.
Azar para Saviola. A vida tem destas coisas. Força!

terça-feira, 15 de novembro de 2011

CAFÚ encanta Jesus

Jorge Jesus gostou muito da actuação do júnior Cafú (18 anos) no jogo particular com o Galatasaray realizado no sábado, na Suíça.
Lançado aos 71 minutos para o lugar de David Simão, o médio entrou desinibido, ‘empunhou a batuta’ como se de um veterano se tratasse e revelou bons pormenores técnicos. Mas, segundo apurou o CM, foi sobretudo a personalidade de Cafú que deixou Jesus impressionado. O técnico já o vira em acção nos treinos com os seniores, mas foi a primeira vez que o lançou na equipa principal. Cafú deixou boas indicações num momento em que a SAD pretende apostar mais na formação, uma vez que, como já afirmou Luís Filipe Vieira, a crise económica obriga à contenção de gastos. (in, CM)

Também me encantou a mim!

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Sonhar não custa

Acho pouco provável que sequer passe pela cabeça dos dirigentes do Saragoza a possibilidade de adquirirem o avançado Rodrigo do Benfica. No entanto, se for verdade não passará dum sonho.
Rodrigo pode ser considerado titular neste momento pois entra em todos os jogos desde há algum tempo para cá. Sendo assim e marcando golos com fartura, como é crível que a equipa técnica do Benfica aceitasse a sua dispensa por empréstimo.
No início da época o Bolton andava louquinho por ele e não conseguiu o empréstimo.

domingo, 13 de novembro de 2011

Desastre!

O Benfica perdeu por números impensáveis frente ao Sporting em Almada.
Foi um jogo mau demais e que não corresponde ao real valor da equipa.
Ao intervalo já perdíamos por 13-9 e no 2º tempo ainda foi pior 13-8. No final 26-17!
Tudo saíu mal à equipa neste jogo. No ataque as coisas não saíram nada bem, muito por mérito do Sporting que defendeu bem, especialmente o seu guarda-redes, mas também por demérito pois os jogadores do Benfica cometeram demasiados erros que permitiram ao Sporting obter muitos golos em contra-ataque.
A lesão de Nuno Grilo condicionou muito a estratégia da equipa pois o seu substituto (Zaikin) não é tão bom a defender, além de que esteve irreconhecível também a rematar.
Agora há que ganhar na 4ª feira ao líder Águas Santas para encarar a deslocação ao Dragão com mais confiança.

Sporting-Benfica em andebol online

Quem quiser assistir online ao Sporting-Benfica pode fazê-lo aqui.

Mais uma guerra?

Paulo Dybala, argentino, 17 anos! Parece que vai haver mais uma guerra com os corruptos para garantir esta promessa argentina.

sábado, 12 de novembro de 2011

Mais duas vitórias

Neste sábado jogaram as equipas de basquetebol e de futsal do Benfica, tendo ambas ganho os seus jogos, curiosamente contra duas equipas minhotas.
Primeiro jogou o Basquetebol em Guimarães, frente ao Vitória, tendo conseguido uma vitória categórica por 33 pontos de diferença. Resultado final: 60-93.

Depois jogou o Futsal, jogo que devia ser em casa, mas que o Benfica preferiu fazê-lo na Mealhada, assim como na jornada anterior o tinha feito em Aveiras de Cima.
Também uma vitória folgada frente ao Sp. de Braga, 4-1. Os golos foram marcados por Marinho (2), Dentinho e Joel Queirós (de livre directo).
Face ao empate (5-5) caseiro do Sporting frente ao Modicus Sandim, o Benfica isolou-se no comando da classificação, agora com 31 pontos, mais dois que o nosso rival e ainda vantagem de 9 golos no saldo geral.

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Confesso que não entendo

De vez em quando o Benfica tem utilizado o equipamento alternativo sem razão aparente para isso.
Já aconteceu no futebol e acontece frequentemente com as modalidades.
No domingo a equipa de voleibol jogou contra o Ac. Espinho com o alternativo quando os espinhenses jogaram de preto.
Hoje, a equipa de hóquei está a jogar em Barcelos com o alternativo também enquanto o Óquei joga todo de azul.
Confesso que não entendo!

Já agora, ao intervalo o Benfica vence por 3-1, em jogo atrasado da 3ª jornada. Golos de Valter Neves, Luís Viana e Sérgio Silva.
O jogo está a ser transmitido pela RTP2.

domingo, 6 de novembro de 2011

Falta de energia, fortuita ou propositada?

Muito estranhas as falhas de energia no estádio AXA. Uma vez tudo bem, duas ainda se podem admitir, mais que isso é um absurdo.
Se quisermos alinhar nas teorias da conspiração, diria que ao Sp. Braga com menos 24 horas de descanso e sem lateral direito de raíz dava todo o jeito que o jogo fosse interrompido. Até ao FCP interessava porque continuava na liderança.
É o futebol português e as suas manobras de bastidores.

Oxalá seja verdade

Finalmente uma notícia dando conta da intenção da SAD benfiquista em renovar o contrato com AIMAR.
Se for verdade é uma grande notícia.
Não tenho dúvidas que a totalidade dos adeptos apoia esta renovação.

sábado, 5 de novembro de 2011

Ganhar sem jogar não sabe bem

A equipa de hóquei em patins do Benfica prepara-se, ao que tudo indica, para vencer a Supertaça europeia por falta de comparência do Liceo da Corunha.
É uma pena não haver jogo para que pudessemos vencer dentro do rinque o actual campeão europeu.
Mas, o pior de tudo é se mais tarde o jogo se vier a realizar e o Benfica perder.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Sorteio elimina um finalista

O sorteio da Taça de Portugal de voleibol, ao colocar frente a frente o Benfica e o Sporting de Espinho, elimina logo um dos prováveis finalistas visto que são as duas maiores candidatas a vencer a prova.
Teremos então a final da Taça na primeira eliminatória!

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Vítor Pereira cai no ridículo

Vítor Pereira, aquele que treina o Porto, caíu no ridículo com as afirmações que fez no final da partida com o Apoel.
Disse no final da partida, «A 1.ª parte foi bem disputada. Os cruzamentos não nos saíram bem, faltou no último terço a bola aparecer no sítio certo. O Apoel chegou ao golo provavelmente na única vez que chegou à nossa baliza. Na 2.ª assumimos o jogo, fomos para cima deles, criámos situações de golo e chegámos ao empate. E depois foi o inexplicável. Uma equipa com a nossa experiência devia perceber que empate significava outras contas».
Hoje, João Gobern, no Record, diz «Tudo começa – e, se calhar, tudo acaba – no momento da negação de um técnico de futebol. A seguir ao jogo de naufrágio do FC Porto, exclusivamente por culpas próprias, uma vez que defrontava uma equipa apenas arrumada, aplicada e carregada de sentido coletivo, adiantou ter visto uma partida equilibrada, no primeiro tempo, e uma cavalgada dos portistas, no segundo. É verdade que o banco, muito mais do que a cadeira dos sonhos, provoca erros de paralaxe e que a visão nem sempre é a mais rigorosa». 
E o que dizer da revolta de Hulk? Queria mais penáltis!

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Modalidades novamente em grande

A equipa de basquetebol do esmagou positivamente o Ginásio Figueira por 87-30 (39-17 ao intervalo).
Estamos apenas na 3ª jornada, mas provavelmente será o jogo mais fácil para o Benfica em todo o campeonato. Serviu para rodar todo o banco, inclusivé o jovem de 19 anos Pedro Belo, o gigante de 2,14 metros.
O reforço Betinho que começou a jogar já no decorrer do campeonato, devido a lesão, aproveitou para ganhar minutos e fez alguns pontos para todos os gostos, mas terminou com um cesto espectacular. Fantástico mesmo!

Depois do basquetebol foi a vez do voleibol bater o Esmoriz por 3-0, com 25-15, 25-22 e 25-19 nos sets. Contra uma das equipas mais fracas do campeonato, o Prof. Jardim aproveitou para dar mais minutos aos menos utilizados.

sábado, 29 de outubro de 2011

Modalidades vitoriosas

O Andebol, o hóquei em patins e o voleibol jogaram hoje. As duas primeiras na Luz e o voleibol fora.
Primeiro jogou o andebol e vitória gorda sobre o Xico Andebol por 41-21 (23-9 ao intervalo).
Uma bela exibição perante uma equipa que este ano está abaixo do seu normal. A vitória estava prataicamente garantida ao intervalo o que permitiu ao técnico Jorge Rito colocar em campo durante toda a 2ª parte uma equipa completamente diferente, provando assim que um Benfica tem um excelente plantel.
Pedro Graça e Georgy Zaikin foram os melhores marcadores com 8 golos cada.
Após 10 jornadas, o Benfica comanda a classificação em parceria com o surpreendente Águas Santas, mas beneficiando de melhor goal-average.
Seguiu-se o hóquei em patins também com vitória gorda frente ao Riba d'Ave por 11-1 (3-0 ao intervalo).
Luís Viana foi o goleador de serviço com 7 golos, sendo os restantes 4 marcados por Valter Neves, Sérgio Silva, Cacau e Carlos López.
Por sua vez o voleibol, jogando nos Açores, venceu a A.J. Fonte do Bastardo por 3-1, com os parciais 25-19 para os açorianos e 25-20, 28-26 e 25-20, mantendo a liderança isolada na classificação.
Amanhã joga o futsal e na 3ª feira o basquetebol.

Depois não há dinheiro para os belgas

A administração da FC Porto SAD recebeu, na época passada, prémios superiores a 2,1 milhões de euros, devido à vitória no campeonato nacional e na Liga Europa. No total, entre prémios e salários, Pinto da Costa, Adelino Caldeira, Angelino Ferreira e Reinaldo Teles levaram para casa mais de 3,7 milhões de euros. Só Pinto da Costa, sabe o ‘CM’, terá ganho 1,1 milhões de euros.
Está explicado. Primeiro eles, depois se sobrar dinheiro, os outros!

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Não será pedir demais?

Seria uma maravilha, mas não será pedir demais? 27 milhões por Kardec, Airton, Felipe Menezes, Felipe Bastos e Éder Luís?

Seleccionados

Devido ao grande momento de forma que atravessam, Luisão e Bruno César foram convocados por Mano Menezes para os jogos particulares do Brasil no próximo mês contra o Gabão (dia 10) e o Egipto (dia 14).
Luisão é uma volta, já Bruno César é uma estreia.
Pena não se ter lembrado de Artur pois creio que não fica a dever nada a Diego Alves (Valência) e a Neto (Fiorentina).
Sinceramente não compreendi as convocações de Alex Sandro e Kléber do Porto. Um (Alex Sandro) porque já não joga há meses e o outro porque vem duma lesão e perdeu o lugar para Walter.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Parabéns à Catedral da Luz

Ainda parece que foi ontem e já lá vão 8 anos que foi inaugurada a nossa Catedral da Luz.
Ainda só festejámos dois títulos nacionais mas estou crente de que muitos mais vamos festejar no futuro.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Sorteio louco!

As bolas ficaram loucas?
O sorteio da 4ª eliminatória da Taça de Portugal ditou um Sporting-Sp. Braga, um Académica-FC Porto e um Naval-Benfica.
Esqueceram-se desta vez de aquecer as bolas do Alcochetense, do Santa Maria, do Ribeira Brava, do Juventude de Évora, do S. João de Ver?
De qualquer modo a Académica está no papo, não é Pedro Emanuel?
Todos os jogos:
Leixões-Santa Maria
Alcochetense-Fátima/Amares/Pampilhosa/Olhanense
Ribeira-Brava-Sporting Covilhã
Juventude Évora-Marítimo
Estoril-Penafiel
Rio Ave-Torreense
Tondela-Oliveirense
Moreirense-Lousada
Belenenses- Vizela
Académica-FC Porto
Mirandela-Gondomar
São João Ver-Tirsense
D. Aves-V. Guimarães
Sporting-Sporting Braga
Naval-Benfica
Paços Ferreira-Nacional

domingo, 23 de outubro de 2011

Basquetebol vence mas não se livra de susto

Como referi noutro post, ontem as modalidades de pavilhão, mesmo jogando todas fora, venceram todas, excepto o hóquei que se estreou com um empate em Braga.
Faltava o Basquetebol que jogou hoje, também fora (Madeira) e venceu com muita dificuldade o CAB Madeira por 92-87.
Estrearam-se hoje Ben Reed e Betinho que logicamente estão ainda muito longe da sua melhor forma.
O Benfica fez muitos turn-overs, daí a dificuldade em vencer a boa equipa do CAB.

sábado, 22 de outubro de 2011

Modalidades quase 100% vitoriosas

As modalidades de pavilhão jogaram hoje e curiosamente todas fora da Luz.
O Basquetebol jogará amanhã, também fora, contra o CAB Madeira.
Começou com o Hóquei em patins que se estreou no campeonato a empatar em Braga com o Hóquei Clube, por 1-1, golo de Sérgio Silva.
A equipa tudo fez para vencer, mas valeu aos bracarenses São Guilherme Alves que defendeu mais de 20 remates, alguns com selo de golo.
Depois foi a vez do Voleibol na Maia, frente ao Castêlo, que venceu por 3-0, com os parciais de 25-17, 25-15 e 25-17.
Foi a 4ª vitória em 4 jogos no campeonato nacional, por isso estamos na liderança. Aguarda-se o resultado do A.J. Fonte Bastardo-Sp. Espinho para sabermos se estamos isolados ou acompanhados.
Seguiu-se o Andebol, no Restelo, frente ao Belenenses, que venceu por 35-25 em jogo a contar para a 9ª jornada do campeonato. Carlos Carneiro, David Tavares e João Pais foram os melhores marcadores com 5 golos cada.
Encerrou o dia o Futsal, no Porto, com vitória frente ao Boavista por 6-2, com golos de César Paulo, Diece, Arnaldo, Joel Queirós, Dentinho e Marinho.
Liderança partilhada com o Sporting.

domingo, 16 de outubro de 2011

Vale o que vale

A equipa sénior masculina de hóquei em patins do Sport Lisboa e Benfica continua a liderar o ranking mundial de clubes da modalidade, de acordo com o site “Rink-Hockey.net”.

A formação orientada por Luís Sénica comanda a classificação com 2567 pontos, seguido das equipas espanholas do Reus (2547) e do Barcelona (2520), respectivamente.

Já o Liceo da Corunha, adversário do Benfica na Supertaça Europeia, surge no quinto lugar desta tabela (2470). (in site do Benfica)

Esta classificação tem a ver com a excelente época passada, mesmo não tendo sido campeã nacional.

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Não acredito!

Javi Garcia vai sair em Janeiro? Claro que não acredito!
Alegadamente o Javi estaria receptivo a sair para o AC Milan já em Janeiro. Devem estar a sonhar alto os dirigentes do clube italiano.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Radiografia das modalidades de pavilhão

Desde o início da época ninguém tinha dúvidas que o Benfica estava mais forte nas modalidades de pavilhão.
Depois duma época em que todas elas venceram títulos mas nenhuma foi campeã, ao invés de optar por uma desaceleração do investimento, a direcção decidiu em sentido inverso, substituindo alguns treinadores (andebol e basquetebol) e investindo no reforço de todas as modalidades.
Nalgumas delas colmatou-se apenas as carências, casos do andebol, do futsal e do hóquei em patins, contratanto jogadores melhores e mais experientes, enquanto no basquetebol se optou por reforçar mesmo a equipa, não só trocando vários jogadores como aumentando a quantidade com qualidade e no voleibol foi feita uma meia limpeza por motivos extra-campo pois o falhanço do título foi um duro revés, após uma época de alto nível.
Agora que quase todas já estão em actividade oficial, falta apenas o hóquei em patins devido à recente realização do campeonato do mundo, verificamos que estão mesmo mais fortes.
ANDEBOL
Foi suprida a falta duma alternativa à altura de Cláudio Pedroso (lateral direito) com a vinda do internacional e experiente jogador, Inácio Carmo e duma para George Zaikin que tem tido lesões com frequência, vindo outro internacional, Nuno Grilo.
Agora, com a lesão de demorada recuperação do guarda-redes João Ferreirinho e apesar do categorizado Ricardo Candeias estar em grande, veio o experiente sueco David Andersson que se estreou no sábado.
BASQUETEBOL
Perdido o título e constatando que o actual campeão tinha uma grande equipa, a revolução foi grande, começando pela troca de treinador e terminando no reforço sério da equipa para que possa reconquistá-lo.
O plantel já era curto no final da época devido às saídas precoces de Francisco Jordão (incapacitado para a prática da modalidade) e Eky Viana (problemas disciplinares), juntando-se a falta de rendimento desportivo de Rodrigo Mascarenhas, de António Tavares e ainda o erro de casting nos americanos que foram sendo sucessivamente substituídos ao longo da época.
Vieram verdadeiros reforços, tais como os americanos Seth Doliboa, Ted Scott e Greg Gentry, bem como os internacionais portugueses Betinho Gomes e Tomás Barroso, a volta do emprestado António Monteiro e a integração do jovem Carlos Ferreirinho que substituíu no plantel o irmão João que quase não jogou.
A aposta começou a dar frutos com a conquista arrancada a ferros da Taça António Pratas frente ao principal rival.
FUTSAL
Depois das desilusões da perda da Taça de Portugal e do Campeonato Nacional para o Sporting, a equipa foi reforçada cirurgicamente. Vieram o guarda-redes Marcão, que viria a mostrar-se decisivo na conquista da Supertaça frente ao Sporting há pouco mais de um mês, e ainda os alas Bruno Coelho (internacional português) e Dentinho (brasileiro).
HÓQUEI EM PATINS
A única que ainda não começou a competir nesta época.
Tendo falhado o título ao terminar em igualdade pontual com o campeão vitalício, mas conquistando a Supertaça e a Taça CERS na época passada, foi talvez a modalidade que teve um melhor desempenho na última época. Então, como não se deve mexer naquilo que está bem, vieram apenas os experientes Sérgio Silva (internacional português) e Carlos López (internacional argentino) para os lugares de Caio, Tiago Rafael e do veterano Ricardo Pereira.
VOLEIBOL
A grande desilusão da época anterior obrigou a uma mudança radical no plantel. Não tanto pelo rendimento desportivo, mas por motivos extra-pavilhão, saíram quase todos os brasileiros ficando apenas o central Zelão.
Esta época começou bem com a conquista da Supertaça frente à equipa que surpreendentemente nos tirou o título na anterior.
Nota-se que a equipa ainda está em processo de formação devido às muitas caras novas, os portugueses Roberto Reis e João Coelho, além do regressado João Magalhães, o cubano Juan Diaz (Ché), o brasileiro Fabrício Silva (Kibinho) e o húngaro Roberto Koch.
Nada garante que seremos campeões, mas uma coisa é certa, temos equipas para lutar pelos títulos, basta que haja vontade e espírito de luta.

domingo, 9 de outubro de 2011

Foi a vitória da crença contra o azar

Nunca vi um jogo do basquetebol do Benfica, mesmo nos piores, em que a percentagem de lances livres tenha sido tão baixa. Se somarmos a baixíssima percentagem nos triplos e também a fraca percentagem nos dois pontos, chega-se à conclusão que foi a defesa que ganhou este jogo. E a crença, sobretudo a crença.
Os meus parabéns aos benfiquistas que assistiram ao vivo a esta partida que apoiaram sempre, mesmo nos piores períodos.
Ted Scott, tentou de todas as formas assumir as rédeas do jogo, mas não acertava no cesto como se tem visto nos jogos que já fez com a camisola do Benfica. Apesar disso, ainda foi o principal obreiro da recuperação porque nunca baixou os braços.
Quem também esteve irreconhecível ofensivamente foi Seth Doliboa.
Heshimu, Minhava, Gentry, Évora, Carreira e Ramos no pouco tempo que jogou, estiveram bem apenas no aspecto defensivo.
Boas perspectivas para o resto da época!
É preciso lembrar que jogámos sem Ben Reed, Betinho Gomes e Tomás Barroso, enquanto o nosso adversário jogou com todos os seus melhores jogadores.

sábado, 8 de outubro de 2011

Benfica na final do Troféu António Pratas

O Benfica cilindrou o Lusitânia por 110-64 e está na final do Torneio António Pratas que se disputa amanhã pelas 19 horas contra o FC Porto.
Este ano, livre de compromissos europeus e com um plantel muito mais forte, o Benfica tem todas as condições para vencer este troféu que na época passada foi ganho pelo Porto.
A final que se disputa em Vagos será transmitida pela Sporttv.
Apelo aos benfiquistas da zona centro que se desloquem a Vagos para apoiar a equipa. Temos de entrar com o pé direito na época e conquistar este troféu, já que não disputámos a Supertaça.
Uma vitória neste torneio seria uma injecção de moral para uma equipa da qual se espera muito, mesmo desfalcada de Tomás Barroso, Ben Reed e Betinho Gomes.

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Guarda-redes sueco para o andebol

O Benfica acaba de contratar um guarda-redes sueco para a equipa de andebol, de nome David Andersson.
Significa então que a recuperação de João Ferreirinho vai demorar mais que o previsto e para além de Ricardo Candeias não há outro guarda-redes no plantel.
Nos jogos disputados até agora tem estado no banco um jovem com idade de júnior e que já foi utilizado por duas ou três vezes nas partes finais dos jogos cujo resultado é confortável.
Espero que seja mesmo reforço pois este ano temos de lutar pelo título com unhas e dentes.

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

A 1ª de várias

Espero que a conquista da Supertaça pela equipa de voleibol seja a 1ª de várias durante esta época.
Sei que não vai ser fácil e que a equipa ainda precisa de trabalhar muito para integrar os reforços que são muitos (6), mas depois do jogo de hoje viu-se que se houver vontade as vitórias vão surgir, especialmente o campeonato que nos ficou atravessado na época passada.
Mas, mais do que qualquer reforço, para mim e certamente para todos os benfiquistas, quem se distinguiu hoje com uma tremenda exibição foi o jovem de 18 anos, oriundo das camadas jovens, Miguel Tavares Rodrigues. Este jovem distribuidor vai longe!
Dos reforços, apenas Roberto Reis e Marc Honoré foram opção e saíram-se bem.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Apresentação da equipa de voleibol

Na ante-véspera da estreia oficial, foi apresentada a equipa de voleibol do Benfica.
Este ano o Benfica apostou mais em atletas europeus ou a actuar em Portugal ao contrário de anos anteriores. Vindos doutros campeonatos, apenas dois.
Fez quase uma razia nos jogadores brasileiros que estavam no clube. Salvou-se apenas o central Zelão.
Saíram o libero Rafinha, os centrais Jardel e Folle, o passador Renan, bem como o distribuidor canadiano Faucher, o oposto americano Bittner e o atacante, também americano, Ching.
Para os seus lugares entraram, os liberos portugueses (e benfiquistas), João Coelho (ex-Fonte do Bastardo) e João Magalhães (que estava emprestado), os centrais Kibinho (brasileiro, ex-V. Guimarães), Marc Honoré (Trinidad Tobago, ex-Wagner Nunes do Brasil), o oposto Joan Diaz «Ché» (cuban, ex-V. Guimarães), o ponta Roberto Reis (português, ex-V. Guimarães) e o passador/distribuidor Robert Koch (húngaro, ex-Ppsozicnica da Áustria).

Eis o plantel para 2011/12, com os respectivos números, posição, idade, altura e clube anterior.

1- Robert Koch - Passador - 35 - 1,90 - Ppsozicnica (Áustria)
2- João Magalhães - Líbero - 23 - 1,89 - Benfica
5- Roberto Reis - Ponta - 31 - 1,87 - Vit. Guimarães
6- Kibinho - Central - 30 - 1,95 - Vit. Guimarães
7- Pedro Fiúza - Oposto - 30 - 1,96 - Benfica
8- Hugo Gaspar - Oposto - 29 - 2,00 - Benfica
9- Marc Honoré - Central - 27 - 1,98 - Wagner Nunes (Brasil)
10- João Coelho - Líbero - 30 - 1,85 - Fonte Bastardo
12- Joan Diaz «Ché» - Oposto - 28 - 2,01 - Vit. Guimarães
13- Reidel Toiran «Chino» - Ponta - 26 - 2,01 - Benfica
14- Flávio Cruz - Ponta - 29 - 1,92 - Benfica
15- Miguel Tavares - Passador - 18 - 1,87 - Benfica
16- Zelão - Central - 29 - 1,96 - Benfica
Treinador: José Jardim

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

De mansinho, ele volta a atacar

O presidente da Liga de Clubes e candidato à presidência da FPF, prepara-se para mostrar ao Benfica e ao Sporting o seu programa eleitoral.
Com papas e bolos se enganam os tolos!
Será que vamos cair de novo na esparrela?

domingo, 2 de outubro de 2011

Ted Scott é um grande reforço

Quem assistiu aos jogos de basquetebol do Benfica na 1ª fase da Taça António Pratas frente ao Terceira Basket (101-85) na 6ª feira e ao Barreirense (86-69) agora há pouco, viu que este reforço americano não engana. É craque!
Na 6ª feira fez 16 pontos e hoje 24, na maioria triplos, embora também saiba entrar velozmente debaixo do cesto e converter, como na imagem ao lado.
De referir que a vitória não foi mais expressiva porque além do Barreirense ter uma boa equipa, Lisboa colocou em campo no final do jogo, os jovens António Monteiro, Carlos Ferreirinho, Pedro Belo e Tomásio.
Ben Reed e Betinho continuam em recuperação de lesões, assim como o jovem Tomás Barroso que se lesionou ontem.
Benfica apurado assim para a final-four desta taça que se disputa no próximo fim de semana, jogando o primeiro jogo com o vencedor do Grupo Centro-Sul, composto por Académica, Casino Ginásio e Lusitânia.

Em tempo:
Já se sabe quais são os jogos das meias finais desta competição, serão:
Benfica-Lusitânia
FC Porto-Ovarense
Perspectiva-se uma final Benfica-FC Porto no próximo domingo.

Matic vai lá, é só esperar

Muitos benfiquistas torceram o nariz quando Matic foi contratado ao Chelsea integrado no negócio David Luiz.
A falta de experiência era o maior motivo.
Confesso que não o conhecia e procurei vídeos no YouTube. Gostei do que vi, sobretudo porque a sua estampa impressionava e tinha um belo pé esquerdo, podendo desempenhar várias posições no meio campo.
Não tenho dúvidas que Jorge Jesus terá sido ouvido e dado o seu aval.
Pelo que tem jogado desde que está no Benfica, menos do que ele queria certamente, já deu para ver que está a ser muito útil e que vai crescer muito ainda como jogador.
Precisa, como ele próprio o diz, ganhar mais confiança, melhorar o aspecto táctico e para isso aprender o português para entender o treinador, definir melhor o momento de se desfazer da bola e ser mais rápido a executar. Quando conseguir isto tudo, será um jogador de topo.

sábado, 1 de outubro de 2011

Amanhã veremos isso

O Vitinho Pereira diz que o Porto é a melhor equipa portuguesa neste momento.
Vamos esperar até mais logo para saber se volta à liderança de que ele fala!

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Grande notícia!

“O Sport Lisboa e Benfica não detém passivo bancário o que é digno de registo. As contas podem ser consideradas saudáveis.”
Na Assembleia-Geral realizada esta noite e que aprovou o Relatório e as Contas do exercício 2010/11, ficou-se a saber que o Benfica já não deve a Bancos. 
Grande notícia!

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Ficamos à espera que cumpra a promessa

«Abdoulaye Ba é o único jogador cedido pelo F.C. Porto esta época à Académica. Chegou a Portugal há ano e meio, ainda com idade de júnior, mas habituou-se a trabalhar com a equipa principal, na altura sob comando de Jesualdo Ferreira. Partilhou, por isso, o balneário com a esmagadora maioria dos jogadores que vai reencontrar no próximo domingo.

«Respeito-os mas uma partida de futebol é uma partida de futebol. Quando acabar, tudo será como dantes, como se nunca nos tivéssemos deixado. Estamos no relvado para jogar, não para fazer uma guerra», confessa o jovem senegalês ao Maisfutebol

Será que cumprirá a promessa ou vai fazer algum auto-golo?

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

É assim que se fala Witsel

«Axel Witsel já interiorizou na perfeição a rivalidade entre Benfica e FC Porto. Por isso, e apontando os portistas como o grande rival na luta pelo título, faz uma análise curiosa do futebol em Portugal, recusando-se a dizer o nome do campeão nacional. "Os adeptos são loucos, e há fãs dos três clubes por todo o lado, mesmo em Lisboa. Mas devo dizer que os dois clubes mais fortes são o Benfica e aquele de azul", afirmou, entre risos, numa entrevista publicada ontem pela revista belga "Les Sports", que foi conduzida por Mbo Mpenza, antigo jogador do... Sporting.» (in O Jogo)

Grande Witsel!
Já eras um dos nossos pelo teu comportamento dentro de campo, agora também já és fora de campo.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Porque fala do Benfica

Aqui vos deixo um excerto dum post do "Blog Futebol e algo mais" editado no Record, que fala do clássico do Dragão e do argentino Enzo Pérez.
Concordo com o que é dito e no caso Enzo, espero que ele prove o engano de muitos benfiquistas que não vêem nada nele.
«O empate alcançado ontem pelo Benfica no Dragão teve sabor a vitória para os encarnados. A equipa de Jesus mostrou ter argumentos suficientes para ombrear com o novo FC Porto, que sente em demasia a falta de André Villas-Boas e Falcão, e ficou com uma vantagem teórica em termos de confronto direto com o rival. É teórica porque ambos vão perder pontos no decorrer da Liga, mas o termo vantagem passa a ser lícito aplicar na medida em que as águias, ficando em igualdade pontual com os dragões, têm ainda o privilégio de os receber na Luz na segunda volta da competição. De qualquer forma, com um plantel melhor estruturado, o Benfica tornou para já evidente a aproximação ao FC Porto.

Ontem ainda, ficámos a saber que o Benfica não contará com Enzo Pérez nos próximos três meses. Quem teve oportunidade de acompanhar a carreira do argentino no Estudiantes, nem que fosse nas competições sul-americanas de clubes, ficou com a sensação que o extremo-direito estava talhado para se tornar rapidamente no jogador referência dos encarnados. Face a esta lesão no joelho direito, e a consequente intervenção cirúrgica, Jorge Jesus sofre, por outro lado, um revés duríssimo».

domingo, 25 de setembro de 2011

Hoje vamos apoiar as modalidades

Embora nem todas estejam em actividade oficial, casos do basquetebol, do hóquei e do voleibol, cujas épocas ainda não tiveram início, o andebol e o futsal já disputam os respectivos campeonatos e vão na frente.
A tarde começa com o futsal (17 h) no Pav. Paz e Amizade em Loures num jogo que se prevê empolgante ou não fosse o Sporting o principal rival nesta modalidade. Este jogo contará para a 3ª jornada do campeonato. O resultado não é decisivo porque contará apenas para apurar para o play-off que esse sim decide o título.
Quem não se lembra que na época passada vencemos a fase regular e no play-off fomos derrotados precisamente por este adversário. Em todo o caso, a rivalidade obriga-nos a querer vencer hoje.
Uma hora mais tarde teremos o jogo de andebol, este num dos Pavilhões da Luz, contra a forte equipa do Madeira SAD que nos venceu em casa no último jogo que disputámos com eles a contar para a 2ª fase do campeonato nacional da época passada.
Quem puder não deixe de marcar presença nos dois pavilhões para apoiar o Benfica.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Rumo ao 33º

(Emerson parou o Incrível Rulk)
É óbvio que faltam ainda 24 jornadas e muita coisa vai acontecer para nos parar, mas este jogo demonstrou que temos equipa para reconquistar o título.
Não vou embandeirar em arco, mas sabendo das dificuldades que temos em pontuar naquele antro, este empate e nas circunstâncias em que foi conseguido, moraliza a equipa e dá confiança.
A equipa foi guerreira e pelo que fez mereceu este empate.
Uma palavra para Jorge Jesus que não descaracterizou o jogo da equipa só porque o jogo era naquele Estádio. Foi o medo de Hulk que o tramou na época passada.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Afinal, o empate foi um bom resultado

Quem acompanha as modalidades como eu terá ficado um pouco decepcionado com o empate da equipa de andebol frente ao Águas Santas (28-28), mais a mais tendo sofrido o golo do empate a 10 segundos do final da partida correspondente à 2ª jornada.
Decorridas agora 4 jornadas, verifica-se que Benfica e Águas Santas são os líderes, somando ambos 11 pontos, correspondentes a 3 vitórias e aquele empate, seguidos de FC Porto, Madeira SAD e Sporting com 10.
E para maior surpresa, o Águas Santas tem mais 3 golos marcados (127 contra 124), embora tenha mais 4 sofridos (96 contra 92), por isso a liderança é do Benfica.
A prova de que nenhum jogo está antecipadamente ganho é que as goleadas que se verificaram até agora nalguns jogos são circunstanciais, senão vejamos o exemplo do Sp. da Horta que perdeu por 15 golos de diferença na Luz na jornada anterior e nesta venceu o ABC que na 1ª tinha derrotado o Sporting.
Este campeonato promete muitas surpresas, embora se saiba que por ser longo quem tiver melhores e maiores plantéis tenha mais hipóteses, casos de Benfica e FC Porto.

Grande Fábio

O nosso, ups, ex-jogador Fábio Coentrão, não faz a coisa por menos, prevê uma vitória do Benfica no Dragão por 4-0! Se isso acontecesse seria fantástico para nós e uma machadada nas esperanças dos corruptos.
Claro que é o que ele desejava e nós também.
Já me contentava com 1-0.
Por falar em ex-jogadores, também Salvio veio desejar boa sorte para o Benfica neste importantíssimo jogo.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Goleada no andebol

O Benfica, salvo o empate com o Águas Santas, está a começar bem o campeonato.
Vitória sobre os corruptos, empate com o Águas Santas (fora), goleada ao Sp. da Horta (casa) e agora goleada ao Fafe (32-16).
A equipa promete!

Vamos ficar atentos

O colombiano James Rodriguez, expulso no jogo dos corruptos frente ao Feirense, vai cumprir apenas 1 jogo de suspensão!
Já o jogador Manuel José do Paços de Ferreira também expulso vai cumprir 2 jogos.
Dois pesos e duas medidas.
Senhores da Comissão de Disciplina da Liga, nós benfiquistas vamos ficar atentos!

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Para não perder o hábito

Há coisas que não mudam independentemente do local em que as pessoas estejam. É o caso de André Villas-Boas que perdeu este domingo em Old Traford com o Manchester United por 3-1 e vem queixar-se da arbitragem. Deve ser para não perder o hábito!
Não vi o jogo na íntegra, mas pelo que vi o MU foi um justo vencedor e podia até ter goleado, apesar do Chelsea também ter tido a oportunidade de marcar pelo menos mais um através de Fernando Torres que falhou de baliza aberta.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Eles já estão nervosos

Depois do empate de ontem, os nervos estão à flor da pele para os lados portistas, por isso temos de lhes dar a estocada final na 6ª feira.
O treinador foi o principal alvo das críticas, mas não só. Já se critica a incompreensível não opção por Walter que até estava no banco no jogo de ontem. Afinal de contas também se cometem erros de casting naquele clube pois gastou 5,75 milhões por um jogador que não joga.
Também já começam as críticas pela não substituição de Falcao.
Num blog de referência retirei os comentários abaixo.
«Boas noites meus senhores, mês passado deixei aqui um recado neste blog e depois daquilo que vi hoje eu estou certo, eu vejo o meu porto a jogar a bola desde os meus 12 anos de idade eu sei muito bem o que é o meu porto jogar, este treinador é outro otavio que estraga em tudo o que mexe o cristian rodrigues ja nem devia mais pertencer a este plantel o varela e o belluchi a mesma coisa, porque o walter nao joga?... se ano passado mostrou que compria, o iturbe quando vai ser a estreia dele? estao a espera de que?... o presidente nao se quiz dar ao trabalho de ir buscar um tecnico bom agora eu quero ver como vai ser, nao me admiro nada que pra semana os saloios de merda venham ganhar ao dragao, saudacoes portistas a todos, eu desejo a todos que consigam dormir bem nao pensem muito neste desastre de hoje, ate +.»


«VP uma nulidade no discurso e na concepçao tactica!!! Esta a descaracterizar este FCP que resistiu ao mercado perdendo apenas FALCAO, que hoje só fez um Hattrick, en La Liga, mas que ate conseguiu estoirar 60M em jogadores que ou nao estao ou não sao opçao, porque uns merecem ir tendo oportunidades outros podem ver-se relegados pra outras nupcias...
6ª vai haver novamente invençoes, quer-se mantenha o novo estilo quer a opçao seja pro voltar ao passado, neste momento o FCP vive momentos conturbado nao so fisicamente como psicologicamente e VP é o maior culpado!!!
Ao cabo de 5 jornada nao tem um dupla de centrais que garantem fiabilidade, kd tem um ano de trabalho com 3 dos centrais no plantel...Não consegue tirar proveito e mais futebol das laterais sem ser o que ALV. Pereira oferece, O polvo queimou-se, mas o treinador de cariz PORTO faz por queimar logo a posição 6, assim acabam com a discussao de kem deve ser o lugar!!!
Casa tactica 9, os problemas fisicos sao desculpa pra tudo, pena é o Kléber ter uma dimensao de PL como VP tem de Treinador, são bons é para jogar na 1ª fase da TACA da LIGA, ou para o Campeonato do INATEL...eu confesso que me faz confusao vivendo e convivendo com o panorama do Futebol que alguem com bom nivel teorico como VP, como alguem com um conjunto de jogadores como é este grupo do FCP, consegue fazer tanta asneira junta sendo completo refem daqueles que escolhe, nao tendo kualker capacidade de intervir a partir do banco!!!mais, já o tenho referido no meu nucleo de amigos e nas nossas tertulias, vejam só a experiencia e qualidade que emana da equipa tecnica que secunda VP...é ridiculo, porque o futebol é muito mais que rolar a bola sobre o relvado...VP chega de pre-temporada!!! Se sabes mesmo de futebol, faz-nos um favor não inventes e faz o meu FCP jogar!!!»

Rabiola vai ser impedido de entrar no Dragão

O avançado do Feirense Rabiola vai ser proibido de entrar no Dragão por ter provocado a expulsão do James Rodriguez.
É uma baixa e tanto para o clássico de 6ª feira. O Benfica agradece pois quanto a mim, depois do Incrível era o mais temido e estava em excelente forma.
O rapazinho perdeu a cabeça!

domingo, 18 de setembro de 2011

Penálti por marcar em Aveiro

Máquina portista encrava em Aveiro

O FC Porto cedeu os primeiros pontos na Liga, ao empatar a zero com o Feirense, que fez um jogo ousado. Os dragões desiludiram na 1ª parte, pagaram pela desinspiração de vários jogadores e perderam James, que foi expulso no final por agressão a Rabiola. Além disso, foram ajudados pelo árbitro, que fez vista grossa a um penálti de Belluschi sobre Diogo Cunha (15’). (in CM)

Agora venham os portistas com a história dos penáltis contra o V. Guimarães!

Hoje deu-se mal

Dizia hoje o Record das mentiras que Pedro Emanuel costuma dar-se bem na Luz. É uma notícia cheia de lógica para um estreante como treinador.
Tem alguma coisa a ver jogar na Luz por uma equipa que ganha como a gente sabe e jogar como treinador duma equipa inferior?
Fez os possíveis, não colocou o autocarro em frente da baliza, tentou jogar no contra-ataque rápido para apanhar o Benfica em contra-pé, até conseguiu criar algum perigo, mas como era de esperar perdeu. Não é todos os anos que sai o totoloto como no último em que ganharam sem saber ler, nem escrever.
E o empate do grande líder? Sem (R)hulk e sem Falcao não é a mesma coisa!
Um conquista faltas e penáltis com mestria e o outro foi-se. Ficou o grande Kléber.

A Micaela falhou um golo incrível

Rúben Micael emprestado ao Saragoça pelo Atlético de Madrid foi titular no jogo contra o Espanhol, tal como Roberto (ex-Benfica), Hélder Postiga e Fernando Meira.
Aos 28 min. após cruzamento de Postiga a Micaela apareceu ao 2º poste a rematar para as alturas. Eheheheh, só visto! Felizmente para ele e para o Saragoça, um minuto depois o seu colega Luís Garcia marcou.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

É assim que eles pensam

Excerto dum post corrupto, a propósito do jogo da próxima 6ª feira, dia 23.

Não é receio, muito menos medo, nem tão pouco nervosismo. É mais do que um desejo, ou do que uma vontade indómita, é uma obsessão irracional de ganhar, que nos acompanha em qualquer jogo, mas que com eles ganha um dimensão absolutamente anormal e indescritível. Eles chamam-lhe complexo de inferioridade e eu rio-me. É um complexo, de facto, mas de superioridade. Afinal, quem é o clube com mais títulos do futebol português? Afinal, quem é o clube português com mais participações na Liga dos Campeões? Afinal, quem é que tem dominado o futebol português nos últimos 30 anos? Jogar contra eles, seja em futebol, hóquei, basquetebol ou andebol, não é um jogo. Para mim é muito mais do que isso. É uma guerra, onde vale tudo e onde me estou a borrifar para a verdade desportiva que eles gostam tanto de falar.

Em qualquer jogo, nós queremos é ganhar. Jogar bem? Sim, se for possível. Mas ganhar em primeiro lugar. Contra eles, seja com um golo em fora-de-jogo, com a mão, seja com um penálti inexistente, não importa, o que interessa é ganhar (confesso que assim até me dá um certo gozo). É isso que nos distingue deles, é isso que faz de nós o maior clube português.

Não têm vergonha em afirmar que não interessa como se ganha, o que é preciso é ganhar. Corruptos!

E o Oliveira quase a ver navios

Já só faltam duas épocas desportivas para terminar o contrato televisivo do Benfica com Joaquim Oliveira e a prorrogação do contrato cada vez mais longe pois 40 milhões não é para qualquer um.
Joaquim Oliveira, o fim do império está próximo. A propósito, quando é que pagas os 300 milhões à CGD?

terça-feira, 13 de setembro de 2011

O Helton deu um frango!

Ai se fosse o Roberto!
No jogo com o Shakhtar o Helton, o melhor guarda-redes a actuar em Portugal segundo os portistas, deu um frango, mas curiosamente num jornal chamam-lhe asneira.
É esta a m...da da comunicação social que temos!

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Gostos são gostos

Retirei do Blog Lateral Esquerdo este post sobre Gaitán.
«Gaitán, há que o adorar

Mas, apenas se não fizer parte da sua equipa. Tê-lo no adversário de ocasião, também não será necessariamente interessante, porém. É que se assim for, há o risco de a qualquer momento ter de engolir a opinião. O argentino tem laivos de génio, e pode desequilibrar o jogo num instante. Quem vê o jogo despreocupadamente, seguramente que passará um bom bocado com Gaitán. É ímpar a forma como trata a bola, e extraordinariamente belas as soluções que por vezes inventa.

Está, contudo, bastante longe de oferecer o rendimento que se exige numa equipa que pretenda sagrar-se campeã. A sua displicência com a bola nos pés, e a pouca disponibilidade para as tarefas defensivas são traços imperdoáveis no seu jogar. O número quase pornográfico de perdas que soma a cada jogo, e tantas em zonas e situações delicadas para a equipa, como que permite concluir que apostar em Nico é um acto de fé.

Ainda que tenha talento como ninguém, a sua presença no onze é absolutamente injustificada quando um jogador ainda que menos talentoso, e menos rápido, mas com um rendimento muito superior, fruto das suas capacidades cognitivas como Nolito fica de fora».

P.S. - "Nolito é um agitador. Bruno César é mais cerebral" Jorge Jesus. "Gaitán é um agitador. Nolito é mais cerebral" Lateral Esquerdo.
 
Como disse em título, gostos são gostos! 
É verdade que às vezes se agarra demasiado à bola, que perde bolas por não se desfazer da mesma na hora certa, mas daí até dizer que não devia jogar de início, alto e pára o baile.

Prémio da Champions

O Benfica pagou 1,8 milhões de prémio aos jogadores pelo apuramento para a fase de grupos.
Para recuperar o investimento, uma vitória frente ao Manchester United (800 mil) e casa cheia (1 milhão) bastam.
Não restam dúvidas que a participação na fase de grupos da Liga dos Campeões é o jackpot dos clubes.
Apesar de difícil, não é impossível a vitória na 4ª feira.
Força Benfica.

domingo, 11 de setembro de 2011

Sensacional Roberto

«El portero del Zaragoza fue decisivo. Paró un penalti y detuvo varios balones de manera espectacular».
Continuem a dizer mal do rapaz!

1ª vitória sobre a corrupção

A equipa de andebol do Benfica entrou com o pé, perdão, com a mão direita no campeonato nacional 2011/12, ao vencer a equipa da corrupção por 23-22. Resultado escasso mas merecidíssimo.
O adversário desta tarde começou melhor a partida e durante a 1ª parte esteve sempre na frente com 2/3 golos de vantagem. Ao intervalo o resultado era de 11-13.
O Benfica entrou muito melhor na 2ª parte e além de anular a desvantagem de dois golos passou para a frente com 4 de vantagem face à forma como defendia que deixou o adversário 10 minutos sem marcar qualquer golo e também à excelente actuação do guarda-redes Ricardo Candeias que foi obrigado a jogar os 60 minutos devido à lesão de João Ferreirinho que o obrigou a ver o jogo da bancada.
É preciso não esquecer que os adversários têm mais duas semanas de preparação e já disputaram dois jogos oficiais para as competições europeias.
Como é habitual os jogadores da corrupção defendem no limite da violência e quase no final da 1ª parte um deles foi expulso por agressão a Cláudio Pedroso. O pior é que este não mais voltou ao jogo devido à agressão de que foi vítima o que beneficiou o infractor.
O resultado não foi mais expressivo pois Carlos Carneiro também foi expulso a meio da 2ª parte após cometer uma falta mais violenta e que o adversário aproveitou para fazer teatro levando os árbitros a expulsarem o capitão benfiquista.
É preciso agora não perder jogos com adversários mais fracos como aconteceu na época passada. Estou convencido que isso não vai acontecer pois os jogadores estão avisados e mais que ninguém querem ser campeões, o que diga-se de passagem está perfeitamente ao seu alcance porque a equipa está bem apetrechada.

sábado, 10 de setembro de 2011

E ficou um por marcar

Queixa-se Rui Vitória que foram penáltis a mais. Pois quanto a mim, e para Jorge Jesus também, foram de menos já que ficou um por marcar que seria o primeiro na altura.
Além do penálti a menos, também ficaram cartões por mostrar e que dariam duas expulsões. Pois é, sr. Rui Vitória!
Bom, vitória merecidíssima frente ao V. Guimarães que peca por escassa face às oportunidades não concretizadas.
Além do penálti desperdiçado (o 2º de Cardozo no jogo), Saviola falha um na sequência de canto desviado por Cardozo, Maxi vê uma bola que ia para golo ser interceptada para canto, estas as mais flagrantes.
E agora venha o Manchester.

O Benfica versão 2011/12

O Benfica tem mais e melhores armas do que tinha há um ano, mas tão ou mais importante do que a valorização do plantel pode vir a ser a versatilidade táctica que a equipa ganhou com a contratação do belga Axel Witsel. Somados, os dois factores tornam a actual equipa da Luz claramente mais preparada para obter sucesso até enquanto produto virado para a exportação.
Na época passada, o Benfica tentou repetir a fórmula de sucesso do ano anterior, assente numa equipa sem freio e que tentava impor sempre um ritmo torturador. Mas tentar jogar à velocidade máxima, com a precisão máxima e um vigor impressionante, deixou de funcionar da mesma forma a partir do momento em que Di Maria e Ramirez já não moravam na Luz, até porque os adversários também foram apurando a eficácia do antídoto. Por vezes não era um problema de jogo, antes de voltagem - de excesso de voltagem, entenda-se.

Hoje, o Benfica continua a ser uma equipa com imensa riqueza ofensiva, mas parece mais temperada e pragmática. E isso é ainda mais evidente quando Jorge Jesus troca o habitual 4x1x3x2 pelo desenho com duplo pivot à frente da defesa (Javi Garcia e Witsel) e apenas um homem (Cardozo ou Saviola) na área adversária. O técnico benfiquista já contestou esta leitura, recusando a ideia de que o Benfica tem agora um desenho táctico alternativo (4x2x3x1) que parece reservado para os duelos de maior grau de dificuldade, designadamente muitos dos que irão ser travados na Liga dos Campeões. Na opinião de Jesus, tudo se resumiu a uma troca de figuras: Witsel faz agora de Aimar e este passou a fazer de Saviola.

Não faz muito sentido contrariar o "arquitecto" responsável pela obra, mas faz ainda menos escamotear o que os nossos próprios olhos vêem. E salta à vista que Witsel ocupa (principalmente na hora de defender) terrenos mais recuados do que aqueles que eram antes percorridos pelo argentino, surgindo muitas das vezes praticamente na mesma linha de Javi Garcia. Da mesma forma, Aimar tem como ponto de partida uma posição menos avançada do que acontecia com Saviola.

Uma e outra coisa fazem com que o Benfica se torne mais homogéneo no miolo, sem que isso implique grandes perdas lá na frente. E isso torna-se possível por dois motivos: primeiro porque Aimar atravessa, até do ponto de vista físico, talvez o momento mais fulgurante desde que chegou a Portugal; depois, porque Witsel é um verdadeiro box to box. Custou 7,5 milhões de euros, mas a sua contratação foi um verdadeiro achado. A influência do belga salta à vista não só no seu jogo, mas também no febril compromisso com a equipa. Porque a sua clarividência afecta positivamente a todos. Mesclou-se perfeitamente com Javi Garcia e com Aimar, sabe jogar e conhece o ofício como poucos. É ainda um jogador universal, porque é capaz de ocupar praticamente todas as posições no meio-campo.

Jorge Jesus já havia tentado, nos dois anos anteriores, que o Benfica jogasse, por vezes, em 4x2x3x1. Mas as coisas não correram bem frente ao Everton e ao Liverpool, na Liga Europa, e muito menos no estádio do Dragão, onde foi goleado (5-0) pelo FC Porto depois de ter colocado Carlos Martins na mesma linha de Javi Garcia. Mas, evidentemente, este esquema alternativo dá outras garantias quando se pode contar com Witsel, um jovem (22 anos) que ajuda a dominar o jogo aéreo (mede 1,86m de altura) e que até tem algum golo nas botas.

Para que a experiência esteja a resultar bem há também que relevar o papel de Aimar. Principalmente quando estão bem fisicamente, há jogadores, como Aimar, cuja simples presença tem uma transcendência capital. Porque é um jogador diferente, construído com a pasta dos génios. Ele não perde nada em jogar mais próximo da área adversária, ao contrário do disparate que foi repetido até à exaustão por muita gente. De resto, foi jogando assim, mais próximo da baliza adversária, que o argentino realizou épocas espectaculares em Valência e noutras paragens.

De resto, as hierarquias da equipa estão cada vez mais definidas e tudo parece ter voltado a funcionar quase de memória. Para isso foi importante o acréscimo de qualidade. Hoje, o Benfica tem praticamente dois jogadores de nível idêntico para cada posição. De tal forma que, lá mais para a frente, quando o calendário apertar, é bem possível que se deixe de falar em "onze" titular, pelo menos do meio-campo para a frente. Com tantas alternativas de valor idêntico, é provável que Jesus faça a rotação que não soube ou foi capaz de fazer na época transacta, acabando a temporada com uma equipa feita em farrapos.

Artur deu estabilidade à baliza, mas Eduardo também é uma boa alternativa. O investimento em Roberto acabou por ser recuperado e a saída do espanhol teve ainda o condão de devolver a tranquilidade ao quarteto defensivo, que volta a ser capaz de se posicionar em terrenos avançados. Rúben Amorim nunca igualará Máxi Pereira no lado direito da defesa, mas é um jogador muito inteligente e capaz de dar conta do recado. Garay, ao lado de Luisão, garantiu a fiabilidade defensiva que não existia desde a saída de David Luiz. Emerson defende bem e pode melhorar no ataque. Matic é uma alternativa credível a Javi Garcia. Gaitán e Nolito estão a jogar (e bem) nas alas, mas Enzo Pérez e Bruno César vão certamente actuar também muitas vezes, porque têm uma qualidade acima de qualquer suspeita.

Não é um plantel perfeito, até porque falta um central capaz de preencher sem problemas a eventual ausência de um dos titulares. Falta ainda um avançado de classe extra e com a mobilidade que Cardozo nunca será capaz de garantir. O paraguaio tem algumas qualidades excepcionais, mas condiciona em muito o jogo da equipa. O Benfica não conseguiu vendê-lo e terá de continuar a procurar rentabilizar o que ele tem de melhor. Vai ser interessante perceber o que Jorge Jesus irá conseguir retirar dos jovens Nélson Oliveira e Rodrigo. O técnico parece apostar principalmente no espanhol, que é claramente mais jogador de área. Até por isso, talvez se imponha o empréstimo do vice-campeão do mundo português.

Mais difícil de perceber é o que se está a passar com Capdevila. A sua não-inscrição na Champions é mais um sinal de que deve ter sido contratado contra a opinião de Jorge Jesus. O problema é que o jogador não tem culpa disso e acabou por ficar numa situação embaraçosa. Um campeão europeu e mundial não merecia tamanha maldade.

bprata@publico.pt

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Urreta não vem à Luz

Apesar de estar emprestado ao V. Guimarães desde o dia 31 de Agosto, o uruguaio Urreta ainda não se estreará pelos minhotos contra o Benfica amanhã na Luz.
Alguns benfiquistas mostravam-se preocupados se Urreta jogasse pois crêem que o jogador tinha lugar no plantel do Benfica.
Menos uma dor de cabeça, embora talvez até fosse melhor que ele jogasse pois os jogadores do Benfica já o conhecem dos treinos.
Melhor ou pior, o que é certo é que vamos defrontar uma equipa muito difícil, orientada por um bom treinador e moralizada pelo resultado contra o Nacional.

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Mais uma grande decisão do CJ da FPF

O caso Kléber que envolve o Marítimo e os corruptos do Porto teve mais uma decisão desfavorável ao Marítimo, como convém.
O clube madeirense apresentou recurso em devido tempo da decisão do CD da Liga sobre a contratação do brasileiro Kléber pelos portistas.
Apreciado o recurso, o CJ da FPF não deu razão ao Marítimo.
Os doutos juízes do futebol português esquecem-se que o jogador estava comprometido com o Marítimo, clube com o qual tinha contrato, apesar de pertencer ao Atlético Mineiro.
Sempre a mesma m**da!

Mais um reforço

No post anterior falei da equipa de voleibol onde falava dos reforços, das renovações e de algumas dúvidas por não se saber quem realmente sai.
Sabe-se que não saem Hugo Gaspar, Flávio Cruz, Pedro Fiúza e Zelão porque renovaram. Quanto aos restantes não se sabe.
Hoje foi anunciado mais um reforço, o central Marc Honoré, natural de Trinid e Tobago mas que jogou nas últimas épocas na Alemanha e Brasil.
Grande equipa em perpectiva, o que aliás já acontecia na época passada mas que infelizmente não deu para chegar ao título.
Parabéns à direcção do Benfica por continuar a apostar forte nas modalidades ditas amadoras para que possam lutar e ganhar títulos nacionais.

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

A equipa de voleibol

Depois da excelente época passada que culminou com a decepção na final do campeonato, o Benfica está a reforçar fortemente a equipa para a época que se vai iniciar em breve.
Não sei quem saíu do plantel porque não foi anunciado, nem está actualizado o plantel no site do clube. Face às contratações e ao facto de não ter sido anunciada a renovação, provavelmente Rafinha (líbero), Dean Bittner (oposto), Olivier Faucher (distribuidor), Gustavo Folle (central), Miguel Tavares (distribuidor). Se alguém souber deixe um comentário. 
Sei que o Benfica já contratou vários jogadores que dão para formar uma equipa completa, a saber:
- João Coelho,  português, líbero (ex-Fonte do Bastardo)
- Joan Diaz, cubano, oposto (ex-V. Guimarães)
- Grzegorz Pajak, polaco, distribuidor
- Roberto Reis, português, zona 4 (ex-V. Guimarães)
- Fabrício Silva, brasileiro, central (ex-V. Guimarães)
- Joni Markkula, finlandês, distribuidor
Sabemos que até agora foram renovados os contratos com Pedro Fiúza (atacante), Hugo Gaspar (oposto), Flávio Cruz (atacante) e Zelão (central).

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Atrevidos, mas ingénuos

A União de Leiria fez um bom jogo contra os corruptos em termos atacantes, deixando a nú algumas limitações defensivas da equipa que se julga o supra-sumo nacional.
Não fossem as ingenuidades da U. Leiria e não teriam saído com a vitória da Marinha Grande, casa alugada do clube leiriense.
A equipa leiriense, que jogou com 3 benfiquistas no onze inicial, fez um jogo muito agradável e mostrou-se uma equipa interessante em termos ofensivos, só que não houve compensações defensivas e permitiram aos corruptos marcarem duas vezes em jogadas de contra-ataque. Compreende-se pois é uma equipa completamente nova, manteve apenas o guarda-redes em relação à da época passada. Além de ser uma equipa nova, logo sem o entrosamento necessário, ainda tem outro contra que é a grande juventude, falta de experiência, etc.
Julgo que com o decorrer do campeonato vai tornar-se uma bela equipa.

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Afinal em que ficamos?

O empresário de Álvaro Pereira acusou o Porto de faltar à palavra quando não aceitou a proposta do Chelsea no passado dia 31 de Agosto, dizendo ainda que ele iria ficar obviamente contrariado.
Hoje o mesmo artista (Alejandro Savich) vem dizer, «O Álvaro Pereira não tem razões para estar contrariado. Ele está motivado e sabe que este ano é importante e com muitos títulos para atacar. Campeonato para revalidar, possibilidade jogar na Liga dos Campeões e o apuramento para o Mundial de 2014.»
Afinal em que ficamos seu troca-tintas?

sábado, 3 de setembro de 2011

O passado e o futuro?

David Luiz e Dedé conheceram-se recentemente na selecção brasileira.
Enquanto o nosso menino (David Luiz) já é passado no Benfica, Dedé pode ser o futuro central, basta ele querer.
Fala-se que Dedé não está no Benfica porque não quis vir de imediato para a Luz, preferindo continuar no seu Vasco da Gama e disputar na próxima época brasileira (começa em Janeiro) a Copa Libertadores.
Parece que o Benfica foi motivo de conversa entre os dois na concentração da selecção brasileira, tendo David Luiz dito maravilhas do nosso clube ao colega de selecção.
Aguardemos então.

Acabámos com a malapata

Ontem, o técnico Paulo Fernandes tinha dito que o Benfica estava mais forte nesta altura. Muita gente do Sporting devem ter-se rido, mas hoje quem riu foi mesmo o Paulo e todos nós benfiquistas.
Confesso que já estava a ficar incomodado com a série de derrotas consecutivas com os lagartos, quase todas elas no finalzinho das partidas, depois de termos estado quase sempre a ganhar. Eles sabiam aproveitar como ninguém a situação do guarda-redes avançado e nós não.
Pois hoje levaram com um golaço do guarda-redes benfiquista Marcão quando exploravam essa situação de jogo por estarem a perder (1-2).
Por falar de Marcão, grande exibição e já agora grande aquisição.
O resultado que fica para a história é um 3-2, mas o Benfica merecia mais, não só pelas oportunidades mais flagrantes que teve, como pela forma como os lagartos marcaram, um auto-golo de Marinho que antes tinha falhado na baliza adversária um golo feito, e o outro em que a bola tabela no jogador do Sporting e entra.
Related Posts with Thumbnails