terça-feira, 31 de agosto de 2010

Pergunta indiscreta

Eu e concerteza a maioria das pessoas, mesmo não benfiquistas, interrogo-me porque foi convocado para a selecção nacional o reforço leonino Nuno André Coelho.
Primeiro, se fosse um craque estaria a jogar no clube que o cedeu ao Sporting, mais a mais depois da saída do Bruto para a Rússia.
Segundo, fez 4/5 jogos oficiais normais, marcando um golo na Dinamarca, mas encolhendo-se no golo da Naval de ontem.
Face a estes considerandos, estaremos perante mais uma promoção patrocinada pelo Queiroz para que mais tarde o FCP ganha a sua percentagem que ainda detém do passe. Já agora, quem é o seu empresário? Será quem eu penso?

Afinal são 11 reforços

O Benfica enviou hoje 11 novos contratos para a Liga de Clubes! Calma, são todos pertencentes às camadas jovens que assinaram contratos profissionais.
Dentre os 11, creio que pelo menos 3 ou 4 poderão ser aproveitados no futuro, casos de Rúben Pinto, Diego Lopes e Bakar, para citar apenas aqueles que melhor conheço.
Eu, como aliás todos os benfiquistas, estou esperançado que a curto prazo possa aparecer um novo Rui Costa no plantel principal. É preciso é dar chances a estes jovens e aos outros que já estão a rodar noutros clubes.

O último dia do mercado

O último dia do mercado vai ser, como é habitual, uma loucura.
O Benfica aparentemente já não espera ninguém, mas secretamente ainda alimento a esperança que chegue alguém que realmente valha a pena.
Quanto a saídas, finalmente concretizou-se a colocação de Nélson Oliveira no Paços de Ferreira. Já em tempos tinha sido dado como emprestado ao clube da cidade do móvel, mas depois, não sei porquê, não se concretizou. Ainda bem porque ficar parado até Janeiro seria prejudicial para a sua carreira.
E Makukula? E Zoro? Seria muito bom colocar estes dois também!
O caso Makukula é estranho. Tem clubes interessados, tem valor, mas parece que os ordenados é que assustam os interessados. 
Quanto ao Zoro, o problema também são os ordenados!

O preço de Rodrigo

Tanto se tem falado de Rodrigo e dos prováveis 6 milhões que o Benfica teria pago por ele.
A propósito do empréstimo por uma época aos ingleses do Bolton, sem opção de compra, ficou-se a saber que afinal custou 3 e não 6 milhões.
E não me custa a crer que seja verdade porque não houve comunicação à CMVM aquando da sua contratação. Mais, seria incrível o Benfica dar 6 milhões por um jogador para emprestar, quando não tivémos dinheiro para comprar o Wesley do Santos.

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

A rivalidade é igual em todo o lado!

O guarda-redes sportinguista Stojkovic foi cedido pelos leões ao Partizan de Belgrado, como eu já tinha referido aqui num post anterior intitulado, O Sporting foi malandreco para o Braga.
Acontece porém que Stojkovic foi formado no Estrela Vermelha de Belgrado, clube rival e da mesma cidade do Partizan.
Os adeptos do Estrela Vermelha, clube com o qual simpatizo por ter as cores do Benfica e ser um histórico da antiga Jugoslávia, agora Sérvia, ficaram revoltados. Nada que nos admire, seria o mesmo que um jogador credenciado formado no Benfica viesse do estrangeiro para o Sporting.

Jornalismo de sargeta

Certos jornais dedicam-se a procurar e investigar coisas para atacar alguém do Benfica.
Um deles vem com uma notícia a atacar a falta de fidelidade de Jorge Jesus aos guarda-redes que tem treinado na sua carreira. Enfim!
Em vez de investigarem a máfia do futebol português, perdem tempo com notícias destas.

domingo, 29 de agosto de 2010

Só Coentrão?

O seleccionador português continua a brincar com o Benfica, mesmo depois de LFV ter sido sua testemunha. Quanto a mim não deveria ter sido, nem entendo os motivos porque o foi!
Na lista de convocados para os dois primeiros jogos da selecção de apuramento para a fase final do Euro-2012, apenas convocou um benfiquista, Fábio Coentrão! Continua a dormir e a não ver os jogos do Benfica. Senão vejamos, não convocou Rúben Amorim que pode fazer dois lugares na equipa, mas em contrapartida convocou um novato ainda sem provas dadas e sem nenhuma internacionalização, Sílvio do Braga. Não convocou também Carlos Martins que tem jogado e bem no Benfica, mesmo não jogando os 90 minutos, em contrapartida convocou Raúl Meireles que não fez nenhum jogo esta época, nem sequer na pré-época!
Fez ainda outra convocação surpreendente, caso de Beto do FC Porto que além de continuar a não ser titular, deu um frango no único jogo em que o foi.
Deixou de fora também Quaresma que está em grande forma e uma vez que não conta com Simão é incompreensível a sua não convocação!

André sem tento na língua!

O treinador dos corruptos anda muito mais falador do que por exemplo Jesualdo. E inchado como se já fosse um grande treinador. 
Tem falado tanto que até pessoas que não têm nada a ver com o Benfica já repararam, senão leiam a peça abaixo.
Qualquer pessoa que acompanhe o futebol sabe o que significa este comportamento. A ausência de Raul Meireles da equipa do FC Porto tinha em vista preservar o jogador de possíveis lesões e escamotear a sua desmotivação – a cabeça estava já noutro lado – tendo em vista uma transferência, que se pressentia iminente.
Mas André Villas-Boas, que não tem a continência verbal que nos tínhamos habituado a encontrar nos treinadores portistas – como se tivesse algum passado no Dragão deu-se até ao luxo de avaliar o que o clube e Meireles devem um ao outro... – explicou o afastamendo do médio da titularidade com questões de ordem técnica, dizendo mesmo que o jogador tinha concorrência e precisava de trabalhar para merecer a sua escolha. Utilizo uma palavra que o técnico aprecia para classificar a sua representação: "fantochada".
Dias depois, confirmou-se o que se esperava: Raul Meireles foi anunciado como "reforço" do Liverpool. E quando o assunto parecia arrumado, Villas-Boas voltou a pronunciar-se sobre o futebolista, desvalorizando-o de novo ao afirmar: "Temos quem ofereça mais do que Meireles". Uma agressão desnecessária ou, como ele diria do trabalho de outros, uma "palhaçada". Só não lhe chamou "maçã podre" com receio de pagar direitos de autor...
Bem pode Villas-Boas continuar a ganhar porque se um dia as coisas derem para o torto terá de engolir estes tiques de arrogância que vem exibindo com uma cadência preocupante.
(Blog Quinta do Careca-Record)

Na ressaca da 1ª vitória!

Hoje foi um domingo diferente dos dois anteriores. Depois de duas semanas a perder, chegou a tão ansiada primeira vitória no campeonato. Já não era sem tempo.
As incidências da partida já foram dissecadas em muitos lugares (sites desportivos, blogues, etc.) por isso vou tecer apenas pequenas considerações sobre o jogo.
O facto mais relevante acabou por ser, além da vitória claro, a defesa do penálti por parte de Roberto. Depois de finalmente ter sido relegado para o banco, não é que se transformou em herói depois de ter sido réu várias vezes! Como as coisas são.
Júlio César, podia ter neste jogo aproveitado a titularidade para se firmar na baliza, mas por culpa dum mau atraso de Maxi, teve de cometer penálti e foi expulso voltando Roberto à baliza. Assim, Júlio César talvez só volte se Roberto voltar a falhar no(s) próximo(s) jogo(s).
Salvio estreou-se mas acabou também sendo vítima do penálti e expulsão de Júlio César. Ao ser substituído com 22 minutos de jogo, não foi possível mostrar quase nada aos benfiquistas. Teremos de esperar o próximo jogo.
Gaitán, outro dos novos que ainda pouco tinha jogado devido à lesão que contraíu ainda na pré-época, mostrou o porquê de Jorge Jesus andar a lamentar a sua falta. Fez algumas boas combinações com Coentrão e numa delas resultou o 3º golo marcado por Aimar.
De resto é salientar a atitude e o espírito de luta de toda a equipa por ter jogado com 10 durante 70 minutos. 
Por fim, uma palavra para Maxi Pereira que podia ter deitado tudo a perder com um atraso de bola horrível, nós te perdoamos porque és um guerreiro.

Andamos a brincar?

Rodrigo foi contratado ao Real Madrid não se sabe ao certo por quanto porque não houve comunicação à CMVM.
Diz-se que é um jogador com muito futuro, porém parece que no imediato não passa pelo Benfica.
Não passando pelo Benfica, era lógico que ficasse em Portugal para ser melhor acompanhado, mas parece que não é isso que vai acontecer. Fala-se no Saragoça de Espanha!

sábado, 28 de agosto de 2010

Finalmente, a 1ª vitória à 3ª jornada

Vitória e expressiva como convinha!
As coisas começaram bem, podiam ter-se complicado, mas felizmente a sorte esteve com Roberto e com os benfiquistas.
Por ironia do destino, no dia em que o Roberto não ia jogar acabou por ser o herói. Como as coisas são!
Agora, pelo que fez e pelo castigo que Júlio César vai sofrer, a titularidade é novamente dele. 
Espero que tenha sido o começo da caminhada vitoriosa rumo ao 33º.
Não vale muito a pena falar de individualidades porque o jogo não foi normal. Jogar com 10 durante cerca de 60 minutos não é hábito no Benfica e daí houve necessidade de substituir alguns jogadores nucleares no interesse da equipa. Ficámos também sem saber do que Salvio é capaz.
E viva o Benfica!!!

Este Clube foi feito para vencer

Há dias postei aqui uma entrevista de Paulo Fernandes, técnico do futsal. 
Hoje é a vez de José António Silva, técnico do Andebol benfiquista que se mostra muito optimista quanto ao futuro da modalidade no Benfica.
Bem gostaria que este optimismo viesse a ser coroado com o título que está nas mãos dos corruptos.

Tem sido uma pré-época muito exigente, como tem sido a resposta dos jogadores?
“Excelente. Apesar do cansaço houve capacidade de sofrimento e algum sacrifício para manter o que tínhamos previsto e para além da componente física, que é muito importante, também já abordámos aspectos tácticos. Todo o trabalho que fazemos tem as duas vertentes do treino implícitas...”

Olhando para a frente, que expectativas a equipa tem para este ano?
“Este Clube foi feito para vencer. As nossas expectativas são lutar pela vitória em todas as competições. A nossa prioridade será sempre o campeonato nacional, mas somos candidatos a todas provas: temos de ganhar, temos de jogar bem para ganhar, temos de trabalhar muito bem…”

Que mensagem pode endereçar aos adeptos?
“Que nos apoiem e confiem em nós, sobretudo quando as coisas correm menos bem. É nessas alturas que precisamos do apoio que vem das bancadas e que já nos proporcionou reviravoltas e exibições muito boas. Por aquilo que eu sei e já vou conhecendo do Benfica, as pessoas que aqui estão são bons profissionais e empenhadas na defesa do Clube, mas sem o apoio dos adeptos é muito difícil conquistar o que quer que seja.”

O Sporting foi malandreco para o Braga

Então não é que decidiu emprestar o guarda-redes Stojkovic ao adversário dos minhotos na Liga dos Campeões, o Partizan de Belgrado. 
Por ironia do destino, o Braga chegou a querer este guardião quando Quim se lesionou na pré-época, mas não sei porque motivo não houve acordo entre as partes.
Stojkovic que esta semana havia também sido falado para uma possível troca com Makukula, indo este para o Sporting e vindo ele para o Benfica.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Presunção e água benta ...

Um tal de Ricardo Costa, defesa, sarrafeiro, formado na escola corrupta, tem a presunção de vir dizer que está pronto para ser capitão do Valência e até admite jogar a lateral direito na selecção. Mas quem é que disse a este artista que ele é jogador para capitanear uma equipa? Só se o treinador do Valência não o conhece. Capitão podia ser sim, mas no FC Porto. Lá é que é normal os capitães serem sarrafeiros porque os árbitros deixam passar quase tudo. Vidé o exemplo do último capitão, o Alves.
E quanto à selecção, só mesmo um burro como Queiroz o selecciona. Mas tem pretensões o rapaz!

Salvio e Roberto, convocados!

Da lista de convocados para o jogo de amanhã ressaltam estes dois nomes, Salvio e Roberto. Enquanto Salvio poderá ser uma estreia na equipa, embora não me pareça que entre no onze inicial, a não ser que Jesus o utilize como factor surpresa, já Roberto dá que pensar.
Quando todos pensávamos, face às notícias que circulam, que ele poderia estar de saída por empréstimo ou  fosse preservado, surpreendentemente surge na lista de convocados.
Qunto a mim é mais penalizante para Roberto deixá-lo no banco de suplentes do que na bancada. Então, significará que Jesus vai mantê-lo na baliza? Se assim for, só podemos pedir a todos os santos que o ilumine porque vai ser preciso grande dose de sangue-frio para aguentar a pressão de estar debaixo dos olhares de 50 mil sócios e adeptos.

Eles dão tudo contra o Benfica e depois ...

Orlando Sá pode falhar o jogo com o V. Guimarães, agendado para amanhã. O ponta-de-lança lesionou-se – o diagnóstico aponta para mialgia de esforço.
Quem viu este "animal" jogar contra o Benfica, viu concerteza que parecia estar a disputar o jogo da vida. E pior que isso, provocador fazendo faltas e faltinhas sobretudo para irritar os jogadores do Benfica. Nojento!

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Hleb, quase, quase!

O internacional bielorusso Hleb está a um passo do Benfica por empréstimo. 
Hleb, é um médio esquerdo de grande categoria que não tem lugar no plantel do Barça e por isso o clube vai cedê-lo quase de certeza ao Benfica, por uma época, com opção de compra.
Há males que vêm por bem, ou então já havia negociações por este jogador, o não acordo com Traoré, permitiu a vinda (quase certa) deste categorizado e excelente jogador. A sua categoria e experiência, podem ser muito importantes não só no campeonato, como na Liga dos Campeões.

Lá se foi o cabaço!

Vangloriavam-se de ainda não terem sofrido golos em jogos oficiais.
Parecia até que tinham uma super-defesa, mas afinal hoje levaram dois. É só o começo!
Tirando o jogo contra nós, que foi aquilo que todos vimos, o Benfica foi uma sombra de si, de resto com quem jogaram. Com a Naval, o Beira-Mar e o grande Genk que hoje lhes tirou o cabaço! E foram logo duas, perdão, dois.

Benfica livra-se de tubarões

O sorteio da Liga dos Campeões não parece ter sido mau para o Benfica. Digo não parece porque só dentro das quatro linhas é que vamos ver se foi bom ou não.
Começou por ficar no Grupo (B) com o cabeça-de-série teoricamente mais acessível, o Lyon. Depois, o Schalke 04, embora sendo um clube alemão, não é um Bayern de Munique. Por fim os israelitas, são os mais fracos no papel mas concerteza voluntariosos e complicados, sobretudo em casa.
Se as coisas correrem dentro da normalidade, nem que seja em 2º lugar, o Benfica tem todas as condições para seguir para os oitavos-de-final.

O grupo está bem e unido!

Folgo em saber isso Saviola! Depois do que tenho lido na imprensa fico muito mais descansado.
Fala-se nas divergências de A e B com o Roberto, no pensamento de outros noutras paragens, nisto e naquilo, por isso oxalá seja mesmo como dizes.
Todos os benfiquistas esperam um bom jogo e sobretudo uma vitória no sábado para as coisas voltarem ao normal. Anormal são as derrotas continuadas do nosso Benfica.
E, oxalá também tenhas razão sobre o Salvio pois já aqui dei conta das expectativas que temos de que ele seja capaz de fazer esquecer Di Maria.

Agora é Hleb

O jogador bielorusso Hleb, é um dos dispensados do Barcelona e de acordo com o jornal online espanhol Sport.es poderá ser cedido ao Benfica.
É médio, já jogou no Arsenal e no ano passado esteve emprestado ao Estugarda da Alemanha.
Sem hipóteses de actuar no campeão espanhol, o médio aceita a cedência ao campeão português, tentando, assim, renascer para o panorama europeu.

Fernandinho tem mau génio!

Fernandinho, o ala esquerda do São Paulo que chegou a ser falado na imprensa para reforço do Benfica, mostrou durante o jogo S. Paulo-Vasco da Gama de ontem que tem mau génio ao pontapear a bandeirola de canto que se partiu.
O árbitro da partida, obrigou o jogador a colocar o pau no lugar e estranhamente, apesar de ter partido, encaixou. Julgam que viu amarelo? Não viu! E o árbitro era o internacional brasileiro Carlos Eugénio Simon que apitou no Mundial da África do Sul.

Salvio pronto para encantar?

Existem as maiores expectativas sobre o argentino Salvio que veio para fazer esquecer Di Maria. E por falar de Di Maria, que golo marcou no último jogo do Real Madrid! A continuar assim, o Benfica conseguirá receber todas as verbas acordadas como objectivos.
Voltando a Salvio, já poderá ser utilizado no jogo de sábado com o V. de Setúbal, embora seja pouco crível que o faça como titular uma vez que tem pouco mais de uma semana de treinos com a equipa.
Sendo veloz como Di Maria e também bem dotado tecnicamente, aguardamos com ansiedade a sua estreia.
Tem a palavra Jorge Jesus!


quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Tudo preparadinho!

O Vitor Pereira já fez o seu trabalho, agora só falta que os nomeados o façam no fim de semana.
Vasco Santos no Benfica-V. Setúbal e Jorge Sousa no Rio Ave-FC Porto. Queriam melhor?

Incoerentes!

A propósito de incidentes verificados no Aeroporto do Porto aquando da chegada da equipa do Braga ,depois de ter vencido e eliminado o Sevilha, os responsáveis pelo clube publicaram um comunicado no site oficial do clube lamentando os incidentes entre adeptos e PSP.
Pena é que esses senhores apenas se preocupem quando lhes dói! Porque não vieram na altura demarcarem-se e lamentarem os incidentes ocorridos entre os seus adeptos e benfiquistas que festejavam o título na cidade de Braga? Incidentes que provocaram feridos apenas para o lado benfiquista.

Benfiquismo falou mais alto

O grande Paulo Almeida, campeão 5 vezes pelo Benfica em hóquei em patins, está de volta ao clube na condição de técnico-adjunto de Luís Sénica.
Manifestou-se feliz e emocionado pela volta ao seu clube do coração e disposto a ganhar títulos, coisa que tem andado afastada da modalidade, começando já pela supertaça com o FC Porto. Recordo que o Benfica venceu a última Taça de Portugal, o que não acontecia há muitos anos.
Será o recomeço dos tempos de glória, ou vamos permitir que os corruptos nos igualem no número de títulos nacionais (20).

Roberto e a especulação

Desde sábado que os jornais não falam doutra coisa. Mas, o pior é que ninguém sabe ao certo o que lhe vai acontecer e especulam.
Já ouvi/li, que pode continuar na baliza do Benfica no jogo de sábado com o V. de Setúbal, que irá para o banco para acalmar e será substituído por Júlio César, que será vendido, que será emprestado, que Jorge Jesus não quer que ele saia porque confia que ele ainda será indiscutível.
Entre tantas possibilidades alguém há-de acertar!
Quem diria que a saída de Quim iria provocar um terramoto na baliza do Benfica. Será que rogou alguma praga a Roberto?
E por falar de guarda-redes, parece que o miúdo esloveno Oblak vai ser cedido ao Beira-Mar por empréstimo.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Um boxeur substituído por outro

Que melhor reforço (Otamendi) poderia querer o clube corrupto para substituir um boxeur. Claro, outro boxeur!
Bruno Alves era aquilo que todos conhecemos quando jogava no FC Porto. Apesar de merecer em todos os jogos levar cartões, ora amarelos, ora vermelhos, o que é certo é que até amarelos que eram poupados todas as semanas. Conseguia durante uma época não levar mais que 10 amarelos, enquanto jogadores que discutiam uma decisão errada levavam logo cartão.

Este não lê os blogues

Descobri um post dum jornalista do Record no seu Blog. Ele estranha que nenhum benfiquista do mais ilustre ao anónimo tenha feito ouvir a sua voz pela loucura dos 8,5 milhões pagos pelo Benfica por Roberto. É uma afirmação gratuita por desconhecimento. Mas leiam e tirem as vossas coclusões.

Pessoalmente, nunca percebi muito bem a loucura do Benfica ter pago tanto dinheiro por um guarda-redes. Não estranhei, porém, que nenhum benfiquista, do anónimo ao ilustre, tivesse feito ouvir a sua voz nem que fosse por desconfiança em tamanho negócio (afinal, o clube estava a pagar um balúrdio por um guarda-redes que não serviu ao At. Madrid) pela simples razão de que as vitórias e as conquistas disfarçam os erros, os defeitos, as asneiras. São como uma “droga” que tudo permite e autoriza. Por isso é que nesses momentos é bom que haja quem esteja atento e vigilante e não se deixe embarcar em certas loucuras.
(o sublinhado é meu!)

Leia mais ...

Gaitán e Jara

Chegaram trazendo muitas expectativas aos benfiquistas. Após os primeiros treinos e jogos de preparação, os adeptos já viam em Gaitán um grande reforço, embora não fosse o substituto de Di Maria. Jara demorou um pouco mais para mostrar as suas qualidades mas de repente explodiu e convenceu todos.
Embora Gaitán ainda não tenha conseguido mostrar o que se esperava devido a uma arreliadora lesão que atrasou a sua preparação e entrosamento com os colegas, as qualidades estão lá. Só precisa de tempo para mostrá-las. Quanto a Jara, já se viu que tem enormes potencialidades também, embora precisa trabalhar bastante, coisa que ele gosta de fazer visto que é um jogador de trabalho, de luta.
Achei interessante mostrar-vos as opiniões de quem os conhece bem.
Gaitan é um jogador rápido, com a qualidade certa para quem precise de força ofensiva. Tem mais mobilidade do que Di Maria e pode atuar nos dois lados”.
Jara é um jogador extraordinário que tanto se move pela esquerda, direita como pelo centro. Marca muitos golos e remata bem fora da área. É muito generoso na pequena área e faz muitos golos de cabeça”.

Os esperados reforços

Todos os dias são ventilados nomes, alguns repetidos, mas o certo é que depois de Salvio não chegou mais ninguém.
Volta-se a falar de Maylson, o médio do Grêmio, que poderia fazer o lugar de Ramires, mas sendo um jovem de 21 anos e precisando o Benfica de alguém que entre de caras na equipa, é uma contratação para ser bem ponderada. Jovens já temos muitos no plantel e uma equipa que quer ganhar provas tem de mesclar juventude com experiência.
Outro nome já falado e que volta à baila é o do também brasileiro Wendel, médio esquerdo que joga actualmente no Marselha, depois de já ter jogado no Nacional da Madeira.
Continua-se a falar na imprensa de hoje na provável contratação dum substituto para Roberto, embora eu tenha as minhas dúvidas.
Falta apenas uma semana para terminarem de vez com as especulações!

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Um olhar sobre as modalidades

Porque o Benfica não é apenas futebol, vamos dar algum relevo às nossas modalidades.
Pela forma como se reforçaram, é legítimo esperar títulos na maioria delas.
A época ainda não começou para nenhuma, mas o Andebol e o Futsal já disputam jogos e torneios.
O Andebol participa no Torneio do Sporting da Horta e venceu a equipa organizadora do Torneio e a forte equipa croata do RK Nexe.
O Futsal venceu o Dínamo de Moscovo no Torneio Centenário da AFL. De referir que na equipa russa militam muitos jogadores brasileiros que foram os autores dos golos.
O Basquetebol, o Hóquei em Patins e o Voleibol ainda não começaram a competir.
Confesso que sou um adepto e vibro com as vitórias das nossas principais modalidades de Pavilhão e como disse acima, penso que nos darão muitas alegrias.

Nada está perdido!

Companheiros benfiquistas, nada está perdido!
Já não há campeões invictos, isso foi chão que deu uvas, por isso e com o nosso apoio ainda vamos a tempo de recuperar os pontos perdidos. Basta vencer os dois jogos com o Porto e apanhamo-los, isto claro se entretanto não perderem pontos. Mas vão perder!
É preciso não nos esquecermos que ganharam da forma que todos sabemos ao Naval e ontem apanharam um Beira Mar fraquinho, ainda sem poder contar com todos os reforços. Eles que vão embandeirando em arco!
O foco de instabilidade, Roberto, vai certamente descansar e as coisas vão voltar à normalidade, mesmo não sendo o V. Setúbal uma equipa fácil. 
Apesar da derrota de sábado, vimos que a equipa fez uma boa 1ª parte, criando algumas oportunidades de golo e só depois de estar a perder a equipa se foi um bocado abaixo.

Um bom artigo de JEM

O Benfica pode queixar-se, obviamente, de alguma falta de sorte e ninguém lhe levará a mal se reclamar por um penálti sobre Fábio Coentrão não assinalado pelo árbitro. Tudo isso é verdade, mas, feitas as contas, a realidade não disfarça um facto indesmentível: a equipa de Jorge Jesus perdeu por culpa própria. Ficou demonstrado que Roberto é uma carta que tem de ficar fora do baralho. A sua contratação foi um erro pelo qual o preço a pagar se está a tornar cada vez mais alto. Aos oito milhões e meio investidos para o trazer para a Luz juntam-se os golos que vem sofrendo e os pontos que, correspondentemente, faz o Benfica perder. 

Leia mais ...

Roberto passou a caso do foro psicológico

De acordo com a opinião de dois psicólogos, Roberto deve ir para o banco. Vejam porquê!
"O Jorge Jesus esteve muito bem, pois deu-lhe vários votos de confiança. Mas agora já não pode ficar de braços cruzados, deve pô-lo no banco", sustenta o ex-psicólogo do Braga, apontando razões de ordem colectiva, para além da desmotivação e da ansiedade instalada ao nível pessoal. 
"Tem de haver uma gestão do grupo. Já se nota uma quebra da coesão colectiva", afirma. 
Para Nuno Pacheco, outro especialista em psicologia, no banco de suplentes Roberto "não terá a pressão dos adeptos e será mais fácil recuperar a confiança e reorganizar-se mentalmente"
Existem dúvidas ainda se será ou naõ contratado outro guarda-redes, mas para o próximo parece que teremos.

domingo, 22 de agosto de 2010

Ainda na ressaca

Hoje não tive disposição para escrever mais cedo!
Triste e preocupado com o momento do Benfica, desiludido com algumas opções tomadas pela SAD ao nível das contratações, com a má planificação da época, com as arbitragens sempre a prejudicar-nos, etc.
Soube das notícias que davam Roberto fora da Luz, que não me convenceram, não só face ao enorme investimento no jogador, como porque é ainda um jovem e tem potencial, só que de momento não está pronto para ser titular do Benfica.
O Benfica já veio desmentir a notícia, o que vem de encontro ao que eu pensava e esperava.
Espero e desejo que as coisas mudem já no fim de semana no jogo com o Setúbal e depois a paragem de campeonato permita o entrosamento dos reforços e dos que têm a preparação mais atrasada.

sábado, 21 de agosto de 2010

Todos a ajudar!

São as arbitragens, são alguns jogadores, todos ajudam às derrotas!
Por um lado, não tenho vontade de escrever nada tal o estado de desilusão e raiva com que fiquei após este jogo, mas por outro, preciso de desabafar!
Roberto teve culpas, mais no 2º golo que no 1º, pois neste Cardozo esquece-se de marcar o jogador do Nacional que cabeceia. No 2º golo teve culpa, mas também muito azar. Sendo assim, será melhor para ele e para a equipa ir descansar um pouco para o banco ou bancada e voltar mais tarde quando os resultados forem outros e ele esteja mais ambientado com a equipa.
Gaitán passou ao lado do jogo. Tem alguma desculpa porque esteve muito tempo lesionado e vê-se nitidamente que não tem ritmo.
Cardozo, prometeu muito na pré-época, no entanto nos últimos 4 jogos não marcou, nem fez nada.
Aimar, está a léguas daquilo que nos habituou. Sobretudo muito lento.
Saviola melhorou bastante relativamente a jogos anteriores.
O melhor foi mais uma vez Fábio Coentrão. Classe, coração, raça, velocidade.
Por fim, o meu desabafo sobre a equipa de arbitragem. LADRÕES!
O 1º golo nasce dum livre inexistente e Javi ainda leva amarelo. Ele próprio fica incrédulo!
Depois um festival de amarelos, alguns merecidos, outros nem tanto, mas todos consequência do nervosismo por ver o azar e as injustiças.
E o que dizer do fdp do Orlando Sá, emprestado pelos corruptos. Fez tudo para provocar cartões e ficou em campo. Que milagre! Ou não?
Tenho esperanças ainda, mas as coisas não estão fáceis.

Mais um grande gesto de David Luiz

David Luiz para além do grande jogador que é, também é uma pessoa extraordinária.
São conhecidos vários gestos que demonstram o seu enorme carácter e coração.
Agora, a propósito da sua 2ª convocação para a selecção canarinha, um seu antigo treinador, curiosamente também de Hulk, declarou que o "nosso menino" ofereceu aparelhos de DVD para todos os quartos dos jogadores da formação do Vitória da Bahia.

Salvio e AV-B

O treinador do FCP está em alta desde que ganhou a Supertaça e a 1ª vitória no campeonato, ah e ontem para a Liga Europa.
Não interessa se foram ou não merecidas. Ganhou, está nos píncaros e pronto. Sendo assim, já se digna fazer declarações "à la corruptos". 
Quando confrontado com a perda de Salvio para o Benfica, como bom papagaio disse sem papas na língua que o seu clube não esteve interessado porque se o quisesse ele tinha vindo, como tem sido habitual nos confrontos Porto/Benfica.
Esqueceu-se que a mentira tem perna curta e foi logo desmentido pelos jornais.
«Eduardo Salvio escolheu jogar no Benfica por causa da Liga dos Campeões. Apesar de ter uma melhor oferta do FC Porto, o Atlético de Madrid deixou a decisão nas mãos do extremo de 20 anos, que escolheu representar os encarnados, contra a vontade do empresário Augustín Giménez, que iria receber uma comissão maior se o negócio fosse feito para o Dragão».(in DN)
Toma e embrulha André! Mais derrotas virão para o teu clubezeco.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Maylson, o senhor que se segue?

O Benfica parece estar em negociações com o Grêmio de Porto Alegre para a aquisição do médio de 21 anos, internacional sub-20 brasileiro, Maylson.
Segundo parece a contratação, se se concretizar, poderá custar 5 milhões de euros.
O que dizer deste jogador? 
É um jovem com potencialidades que jogou com Kardec na selecção brasileira sub-20, tem 1,80 de altura, que pode jogar a médio-ala ou defesa direito. 
Será este o jogador que nos falta? Se for, que venha depressa!

Traoré é bom negócio para o Benfica

Traoré, jogador do Arsenal é ao que tudo indica o próximo reforço a ser anunciado. É um desconhecido dos benfiquistas, falo por mim, mas quem o conhece garante que vale a pena.
É também a opinião dum não benfiquista.

Apesar de já ter chegado à fasquia dos 30 milhões investidos este defeso, o Benfica vai gastar mais 4 milhões na aquisição de Armand Traoré. Ao olhar para compras recentes dos encarnados por valores aproximados como foram os casos de Balboa e Makukula, a aquisição do lateral-esquerdo francês só pode ser encarada como um bom negócio, já que se trata de um jogador com escola, jovem (20 anos), com larga margem de progressão e que previsivelmente terá retorno financeiro a médio prazo.  
(João Rui Rodrigues, Mercado Aberto, Record) 

Se realmente é quem parece, precisamos de alguém assim porque César Peixoto não está à altura como todos já vimos nos últimos dois jogos oficiais.

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

1ª vitória do Benfica sobre o Fóculporto!

A contratação de Salvio, sabendo do forte interesse dos portistas no jogador, é vista como uma vitória importante do Benfica nesta altura da época.

Ao garantir Salvio após mais um ataque do FC Porto, o Benfica conseguiu a primeira grande vitória da época. Tendo perdido no campo precisamente frente aos dragões, num jogo que custou o primeiro título da temporada, e depois de ter sido derrotado em casa pela Académica de Jorge Costa, os encarnados precisavam deste triunfo. Os adeptos porque não estavam à espera de um início de época tão difícil, com três inesperados desaires consecutivos, e o próprio Jorge Jesus porque Salvio é um jogador que lhe resolve o problema das alas, que tão necessitadas estão desde a saída de Di María. Não dá pontos, pelo menos, imediatos, mas saberá bem. Porque no futebol português, como se sabe, não é só no campo que se ganha. Estas guerras de bastidores são muito importantes e nesta é o Benfica quem fica a ganhar por 1-0.
(Bernardo Ribeiro, in Lado B-Record) 

Para tentar enganar os tolos, o Villas-Más que já se sente a voz do dono, veio fazer declarações estúpidas sobre o jogador Salvio, dizendo entre outras alarvidades que se o Fóculporto tivesse entrado na corrida, tinha conseguido o jogador porque o clube corrupto que ele treina costuma levar a melhor sobre o Benfica sempre. Esta é uma daquelas afirmações para guardar para memória futura.
 

Mensagem de esperança

Foi bom ter lido as declarações de David Luiz hoje. 
Já se falava por aí que ele andava insatisfeito, nervoso, não sorria, mas afinal parece que não era nada do que se dizia. Ainda bem!
Antecipando o jogo com o Nacional de sábado, garantiu que querem dar a volta por cima e somar os 3 pontos na Madeira, embora reconhecendo ser um adversário muito difícil em casa.
Vamos esperar que as coisas entrem nos eixos já neste sábado e arrancar para mais uma época gloriosa.

Mais reforços

À margem da apresentação de Salvio, Rui Costa disse que não falava doutros nomes, mas deixou escapar que poderia vir mais um ou dois jogadores.
É quase certa a vinda do jovem arsenalista Traoré, que parece ser muito bom jogador e polivalente, podendo actuar a lateral e ala esquerda e ainda a central. Tem uma estampa atlética impressionante e vai completar 21 anos em Outubro.
E o outro, quem será? Só pode ser um homem para o meio-campo, supostamente para o lugar de Ramires.
Sei que o ou os reforços que ainda estão para chegar são necessários, outros que vieram é que talvez não o fossem. Gastaram-se milhões mal gastos e que agora fazem falta para trazer alguém como Wesley, esse sim o  substituto ideal de Ramires.

Volte-face, Salvio afinal veio!

Ontem à noite tudo indicava que o Benfica teria desistido de Salvio face ao assédio doutros clubes. Porém, foi o próprio jogador que achou melhor para si e para a sua carreira jogar no Benfica principalmente por causa da Liga dos Campeões.
Por aqui se vê como é importante participar na Liga dos Campeões. É um factor decisivo para convencer muitos jogadores a quererem vir para o clube.
Manifestei-me em post anterior contra esta contratação pelo facto de ser por empréstimo e isso poder valorizar o jogador que não nos pertence. A menos que exista alguma cláusula que salvaguarde uma compensação ao Benfica, em caso de venda futura.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Benfica desistiu de Sálvio

Podem vir os corruptos dizer que "roubaram" mais um, podem dizer o que quiserem, mas a verdade é que o jogador foi oferecido ao Benfica e o negócio estava em vias de se efectuar. Porém, logo que o Benfica soube da proposta da corrupção desistiu do negócio. E acho que fizeram muito bem. 
Quanto a mim fizeram muito bem porque é um jovem de 20 anos que jogou pouquíssimo na última metade da época. Ora, para promessas já temos bastantes.
A bola está agora com Salvio que vai decidir!

Pedro Proença

Apesar de apregoarem que é benfiquista, o que é certo é que o senhor Pedro Proença tem prejudicado o Benfica "N" vezes.
Agora foi nomeado para apitar o Nacional-Benfica da 2ª jornada do campeonato.
Não quero ser derrotista, mas espero que faça uma arbitragem isenta, só isso.
Enquanto que para este jogo nomearam um dos "ratos velhos" da arbitragem, para o FC Porto-Beira Mar nomearam o inexperiente lisboeta, João Capela. Porquê? Certamente para se atemorizar com o ambiente e facilitar as coisas se estiverem complicadas.

Como é possível?

O director do sector de formação do Benfica tem de ser responsabilizado pela situação de Danilo Pereira. A menos que o atleta se tenha negado a assinar contrato desde o início da época passada.
Não é possível que a equipa técnica da formação dos júniores, ou os responsáveis pelo sector, não tenham visto que era necessário fazer novo contrato com este diamante por lapidar que estava no último ano de júniores.
Numa altura em que andamos atrás de jovens talentos argentinos, brasileiros e espanhóis, pagos a peso de ouro, não é possível que não se tenha visto o que tínhamos em casa. Externamente o Benfica fica muito mal nesta fotografia!
Ao enorme rol de clubes italianos interessados nele, junta-se agora a poderosa Juventus, que segundo parece está a um passo de contratá-lo.
Deixo também uma crítica ao próprio Danilo que se esqueceu de quem o fez jogador, mostrando-se ingrato, já que sei que tudo tem sido feito para ele renovar o contrato.

E de repente, um fartote

E de repente, um fartote de reforços!
Ele é Salvio, aliás já tinha postado aqui sobre este empréstimo. A este acrescenta-se o francês Taroré, lateral e/ou médio, central também, que joga no Arsenal da Inglaterra.
O substituto de Ramires é que tarda em chegar. Depois das dezenas de nomes já anunciados, agora surgiram dois novos, Carlinhos Paraíba (S. Paulo) e Willians (Flamengo). Algum há-de chegar! Mas que venha depressa.
Ando preocupado com tantas indefinições e com as vitórias a não aparacerem, mas confio que cheguem ainda a tempo de sermos campeões.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Parece que se confirma Salvio

O extremo argentino Sálvio, jogador do Atlético de Madrid, parece que está com um pé no Benfica por empréstimo, durante esta época.
Se se confirmar a aquisição, ainda que por empréstimo, o que dizer?
Num post anterior, eu disse que não achava boa opção por ser emprestado, nada contra o valor do jogador. Estaríamos a valorizar um jogador alheio para o vermos sair na próxima época. A não ser que houvesse alguma cláusula que permitisse ao Benfica ganhar dinheiro numa futura transacção.
Se vier e for útil à equipa, que venha. O que eu quero é ser novamente campeão!

E se de repente viesse Wesley

Wesley é sem dúvida o preferido de Jorge Jesus para substituir Ramires.
Dado como caso perdido a favor dos alemães do Werder Bremen ou dos russos do Shaktar, chegando inclusivamente a ficar de fora da convocatória do Santos para o jogo de domingo passado com o Vitória a contar para o campeonato brasileiro, o que é certo é que ainda não assinou por ninguém e está convocado para o jogo de amanhã contra o Avaí a contar para a Copa Sul-Americana, a Liga Europa da América do Sul. Pode acontecer que não chegue a jogar se entretanto chegar a acordo para se transferir para algum clube.
Sabendo que ele tinha grande interesse em vir para o Benfica, sabendo que haveria acordo verbal entre o Benfica e o Santos, o problema estava nos restantes detentores do passe.
Quem sabe não possamos ter ainda uma surpresa?

Roberto podia não ter sofrido os dois golos frente à Académica?

Porque se discute tanto Roberto, aqui vos deixo um bom artigo para reflexão e discussão!

A derrota do Benfica com a Académica fez reacender a polémica em torno do novo titular da baliza do Benfica: Roberto é ou não o guarda-redes adequado às ambições encarnadas? Analisemos apenas os golos sofridos pelo espanhol frente à Briosa.
No primeiro, o centro leva a bola a cair perto da linha da pequena área. A acusação dirá que Roberto devia, mesmo assim, ter saído ao cruzamento, ou então ter ficado mais atrás, na expetativa de um possível remate. Mas a defesa argumentará que o centro foi tenso, o que não permitiria uma saída a soco. A conclusão é que o guarda-redes ficou a meio caminho, sem hipótese de atacar a bola ou de defender o remate. Qual então, o nível da sua responsabilidade no golo? Eu diria que não mais de 15 ou 20 por cento.
Quanto ao lance do segundo golo dos estudantes, um grande golo, dirá a acusação que a "chapelada" só foi possível dado o adiantamento do guardião dos campeões. Mas a defesa ripostará com a postura de toda a equipa, lançada para o ataque, e com a necessidade de Roberto ter de estar preparado para sair da baliza, fazendo de líbero, compensando assim o adiantamento da linha defensiva. A acusação replicará com um sim, mas... já que o contra-ataque iniciou-se com uma longa corrida de Paraíba sobre a linha lateral, depois com o passe para Laionel e finalmente com a execução (feliz) do remate. O guarda-redes teve todo o tempo do mundo para se recolocar. Mas a defesa terá um último argumento: a trajetória "teleguiada" do pontapé do brasileiro, que levou a bola a "fugir" do guarda-redes, a bater no poste e a entrar na baliza. A conclusão é que Roberto foi batido, sem que se consiga adivinhar se o remate teria defesa. E, sendo assim, o nível da sua responsabilidade terá, igualmente, de ser inferior a 20 por cento.
Posto isto, se as culpas do guardião do Benfica, a existirem, são diminutas, por que continua então debaixo de fogo? Simplesmente porque Roberto revela falta de confiança e transmite essa falta de confiança aos colegas e aos adeptos. Precisa de um grande exibição e de nenhumas dúvidas sobre a sua culpabilidade nos golos sofridos, em muitos jogos consecutivos.
Jesus parece disposto a dar-lhe esse tempo, mas Jesus, ele próprio, perdeu margem de manobra com as últimas três derrotas. Se o Benfica não ganhar o próximo jogo e se, ainda por cima, Roberto voltar a ser protagonista pela negativa – sendo que neste momento até a dúvida se virará contra ele – então o treinador encarnado terá mesmo perdido a sua aposta no "terceiro melhor guarda-redes da Europa". O que, para ele e para o seu futuro na Luz, pode não ser o pior dos cenários.
(Quinta do Careca, Alexandre Pais, Record)

Sálvio, será a melhor opção?

A serem verdadeiras as notícias de hoje, Sálvio do Atlético de Madrid, seria uma das hipóteses para as alas.
Não há dúvida que é um jogador talentoso mas será interessante promover um jogador que não é nosso? A menos que viesse sem quaisquer custos, ou então que o Benfica tivesse direito a uma percentagem em caso de futuro negócio. Doutra forma não acho muito atrativa a vinda deste jogador, por melhor que ele seja.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Corruptos e Caloteiros

O colombiano James Rodriguez que dizem ter sido desviado do Benfica pelo FC Porto, está em Portugal há quase um mês e meio e ainda não tem o certificado internacional que lhe permita jogar em competições oficiais.
Afinal, na ânsia de desviarem o jogador do Benfica ofereceram o que não tinham, dinheiro. Dinheiro esse que só chegou agora proveniente da transferência de Bruno Alves para a Rússia.
Ainda falta explicar o porquê da falta do certificado internacional de Walter. Provavelmente o motivo será idêntico, só que os dirigentes do Internacional de Porto Alegre, ops, será do Rentistas do Uruguai, ou do Juan Figer, ainda não entendi ao certo quem detém o passe desse bronco.

Simão Sabrosa

Ao que parece as hipóteses de Simão jogar no Atlético de Madrid são diminutas. Por isso, certamente seria um alvo fácil, pelo seu confessado benfiquismo e porque termina o contrato no final da época, podendo assinar a partir de Janeiro por outro clube.
Talvez fosse uma boa oportunidade para o Benfica o trazer de volta.
Sei que já não é aquele extremo veloz doutros tempos, sei que concerteza vai querer ser titular, etc., mas também sei, ou julgo saber, que com uma boa conversa entre ele e Jorge Jesus e com uma época desgastante como vamos ter, poderia ser-nos muito útil, sobretudo pela mística e experiência. E já agora também pelo seu enorme valor!

Coisas que têm de ser denunciadas

Não era nada que eu não estivesse à espera.
A derrota do Glorioso BENFICA ante a "dolce vitae" era mais que previsível.
Vejamos:
Desde há muito se sabe que o clube dos envelopes domina na perfeição as questões de doping.
Tem até uma alta sumidade num desses departamentos uefeiros, a tal ponto que no sorteio para examinar os "pózinhos milagrosos", para os oitavos de final da Champions (corrijam-me se estou errado) foram seleccionados dois jogadores...suplentes.
Nem um titular, unzinho que fosse.
E constata-se que as "maleitas secundárias" são a calvície prematura e a falta de apetite sexual.
Reparem bem nos "ex" dos andrades.
Para já não falar que o "bi-bota" ia fazer o regulamentar chichi, com o casaco vestido.
Aqui há uns anos aquando do controlo anti-doping para o Mundial da Coreia, 4 jogadores andrades, acusaram nandrolona, que a versão oficial veio depois justificar que tinham jantado leitão, na Mealhada.
Pois! Ao menos podiam disfarçar um bocadinho, porque assim dá muito nas vistas.
Reparemos bem nos últimos 4 jogos na Luz, entre o BENFICA e os "dolce vitae".
Há 3 épocas o BENFICA perdeu em casa 0-3, levou um banho de bola quase a terminar a época, a tal ponto que já com o resultado feito (0-3) os "dolce vitae" pressionavam a menos de 10 minutos do fim do jogo, com 4 e 5 jogadores, na área do ...BENFICA.
Era seu treinador um tal de chorão cornudo.
Vai para duas épocas o BENFICA perde 0-1 com os mesmos "dolce vitae", que para além duma prestimosa arbitragem que invalidou golos limpos ao BENFICA, perdoou penáltis em barda aos "dolce vitae", e assistiu-se de novo a uma pressão sufocante a jogadores do BENFICA, que nem podiam olhar para o lado.
Quem era o treinador, quem era?
Esse mesmo o chorão cornudo!
O ano passado tinha que ser diferente.
O vilas-más ainda nem sonhava dar o grito de revolta e por isso ainda não era de confiar.
A coisa tem que ser feita com toda a segurança.
Este ano perfeitamente integrado no corpo e espírito do polvo, ei-lo que na supertaça, chega com uma equipa pletórica de força, capaz de dar a volta ao Mundo a correr.
E repicaram os sinos de júbilo, pois vilas-más provou que o c.r.a.c., é melhor que o GLORIOSO em todos os aspectos do jogo jogado.
E caíram sentenças e mais sentenças, sobre JJ.
E não é que oito dias depois a equipa que tem cláusulas de rescisão de 100 milhões, nem corria?
Disse vilas-más que não conseguiram fazer pressão.
Acredito e não esperava outra coisa.
A amarelinha é perigosa se tomada com frequência.
Este ano, a "dolce vitae" treinada pelo "bicho", ganhou na LUZ.
Durante a pré-época pouco mostrararam mais que um desconjuntado grupo de jogadores.
Na LUZ, fizeram pressão alta a pontos de no minuto 93(!!!!!), estarem 4 jogadores da "dolce vitae", frescos que nem alfaces acabadas de desabrochar, para fazer o golo da vitória.
O remate saíu com uma facilidade tremenda, sem balanço, aquilo é que é ter força.
É certo que precisaram e muito do árbitro, mas ganharam.
E agora é só somar 2+2.
As equipas do "bicho", do "choramingas", do "vilas-más", apresentam-se contra o BENFICA numa invejável condição física.
Há muito que existem suspeitas (eu diria certezas) sobre os jogadores e ex-médico dos andrades no que à amarelinha diz respeito. Ainda me lembro da baba amarela que saía da boca dum jogador andrade, num jogo que Preudhomme foi como sempre fantástico, terminou 1-1, na LUZ, o engenheiro do penta gabou-se gabou-se e gabou-se.
Enfie o capucho a quem servir.
O BENFICA chegou a disponibilizar-se pagar os cento e tal contos de reis, para que em todos os jogos do GLORIOSO, houvesse controlo anti-doping.
Choveram críticas sobre a pretensão, pois estava o BENFICA a lançar suspeitas infundadas.
Foi no tempo de um tal Dr. João Vale e Azevedo. Lembram-se?
Nao são só os árbitros e jornalistas, é toda uma máquina medonha que se prepara para triturar o GLORIOSO.
Não nos percamos em discussões vãs e fúteis, não desviemos a atenção do essencial.
Um aviso, o "fáquir" de Olhão é outro dos tais.
Não basta ter a melhor Equipa, os melhores Jogadores, é necessário sr. Presidente Luís F.Vieira dar um murro na mesa, acabar com a olive dos porcos, denunciar e exigir que o Governo actue. Sem isso corremos o risco de acabar não com o BENFICA que é eterno, mas com o futebol tuga. 

(Post do grande benfiquista Lúcifer no Pinceladas Gloriosas)

Um filme já antes visto

Nós estamos inconsoláveis com derrota de ontem. A exibição não foi também das mais brilhantes. Enfim as coisas não estão tão bem como queríamos, mas os outros também não estão nada bem, o que sem nos servir de consolação, serve para não desmoralizar com esta derrota. Ainda há tempo para recuperar!

Nada de novo na estreia de FCPorto e Sporting na liga. Os dragões a vencerem após uma dura luta com a curiosa Naval de Zvunka, mas a chegarem à vitória apenas com uma grande penalidade da moda; os leões com grave défice de eficácia ofensiva e falta de agressividade que ditou a derrota.
Menos exuberante do que frente ao Benfica, a equipa de Villas-Boas indicia que terá mais dificuldades perante adversários com precauções defensivas, pelo menos enquanto não puder recorrer aos dois reforços que aguardam certificado: Walter e James. Talvez acrescentem fantasia. Qualidade não falta, mas o génio está entregue a Hulk e este sendo incrível não é o Super-Homem. De estranhar a apatia da primeira metade, altura em que a Naval podia ter chegado ao golo e em que conseguiu controlar largos períodos. Para quem entende poder prescindir de Meireles, faltaram médios com vocação para chegar à área. Não fosse o conveniente penálti e a história poderia ter sido diferente. O dragão tem de jogar mais... mas ganhou.
OSporting de Paulo Sérgio é mesmo poucochinho. Exibição agradável nos primeiros 45 minutos, horrível na segunda parte. Superioridade total do Paços, que podia ter ganho por mais. Postiga colocou na trave e Liedson também falhou. Mas não foi só falta de pontaria. Falta bola, falta circulação, falta capacidade para ganhar segundas bolas, como se vê no golo. O técnico não fica isento de culpas ao colocar Carriço no miolo, com Zapater e André Santos no banco. Mas o problema é mais grave. O meio-campo não consegue mandar e tudo se torna mais difícil. Há muito por fazer em Alvalade, só que a época já começou. E a enorme mancha verde de Paços que não vai querer ver tão cedo a melhor equipa do Mundo. Preferiam ver o Sporting.
(Bernardo Ribeiro, in Record)

A análise de JVP

Vou postar a análise que JVP faz ao jogo com a Académica por concordar quase a 100% com ela.

1- Benfica denotou falta de frescura física

Apesar de ter entrado com mais iniciativa - como seria de esperar pelo facto de jogar em casa e na qualidade de campeão nacional - e de ter tido uma oportunidade de golo logo aos oito minutos por Coentrão, este Benfica não me pareceu fresco fisicamente. Fez as coisas em esforço, sem a naturalidade que demonstrava no ano passado. E quando falta frescura física, os jogadores não pensam nem executam da mesma maneira. Daí que, na primeira parte, além da de Coentrão, só tenha tido outra ocasião clara de golo, num lance de bola parada concluído com uma cabeçada de Sidnei.

2- Sobrecarga da pré-temporada?

Há equipas italianas que começam os campeonatos assim, com os jogadores a sentirem dificuldades nos primeiros jogos devido às elevadas cargas físicas. Não conheço a estratégia da equipa técnica do Benfica em termos físicos, mas quer-me parecer que os treinos não diferem dos do ano passado. Onde se nota uma diferença grande é precisamente em relação à frescura física, quem sabe como resultado de uma sobrecarga da pré-temporada, em que o Benfica fez jogos de dois em dois dias com viagens pelo meio. Tanto na Supertaça, com o FC Porto, como ontem, frente à Académica, aquilo que vi não foi um ou dois jogadores fisicamente mal, mas sim uma equipa inteira, e assim torna-se mais difícil disfarçar as saídas.

3- Ausências de Di María e Ramires por colmatar

O Benfica não conseguiu fazer esquecer Di María e Ramires. O brasileiro é muito bom tacticamente, lê muito bem o jogo, tem simplicidade de processos e ainda aparece na área; não é por acaso que é internacional pelo seu país e foi contratado pelo Chelsea. Rúben Amorim é obviamente um jogador diferente. Quanto ao argentino, que é um desequilibrador nato e muito veloz, no actual plantel dos encarnados Coentrão é aquele que mais se aproxima das suas características. No ano passado, o Benfica também não começou a Liga a ganhar (empatou com o Marítimo), mas desta vez a resposta da equipa não esteve ao mesmo nível.

4- Uma Académica à imagem do treinador

A Académica, por seu lado, foi uma equipa bem organizada, que recuava no seu meio-campo quando defendia, mas procurava as transições rápidas, através dos alas Sougou e Diogo Valente, para surpreender. Atacava e defendia com muitos elementos e mostrou personalidade, o que é mais notável se atendermos ao local do encontro, o Estádio da Luz, e ao adversário, nada mais nada menos que o campeão nacional. Esta Académica é a imagem do treinador! A vitória de ontem fez-me recordar os jogos que o Olhanense da época passada, treinado por Jorge Costa, fez em Alvalade, no Dragão e na Luz. Tal como essa, também esta Académica é uma equipa destemida, que não se fecha, que não põe o autocarro à frente da baliza e que discute o jogo. Embora sendo mais débil quando comparada com os grandes, procura jogar, não dá pontapés para a frente. Acredito que esta será uma das boas equipas do campeonato e, nos jogos fora de casa, vai aproveitar bem os seus jogadores mais rápidos. Conheço bem Jorge Costa, fui treinado por ele e sei que gosta de que as suas equipas joguem bom futebol.

5- Um golo candidato ao Top 5 da Liga e outro fruto da defesa à zona

A vitória da Académica surgiu graças a um grande golo, que provavelmente estará no Top 5 deste campeonato. É um remate indefensável, muito colocado e que entrou junto ao ângulo - Roberto não está adiantado, ninguém evitaria aquele golo. Ficou a dever-se a um desequilíbrio defensivo do Benfica e à capacidade da Académica, em transições rápidas, de libertar três ou quatro jogadores para o ataque. O primeiro golo da equipa de Coimbra surge de uma bola parada, situação que o Benfica defende à zona e em que, quando não se ataca a bola, se correm grandes riscos quando - como foi o caso - o adversário é mais rápido.

6- A expulsão, Coentrão e Laionel

A expulsão de Addy marcou a segunda parte, período em que o Benfica teve total domínio do jogo, embora a Académica não tenha abdicado do ataque. Sempre que ganhava a bola, saíam dois ou três jogadores para a frente. Com grande espírito de sacrifício e solidariedade, subiam e desciam no terreno. Foi isso que fizeram Sougou e Diogo Valente na primeira parte e, mais tarde, apenas o primeiro. Com dez, o jogo tornou-se muito complicado, mas os visitantes continuaram a demonstrar uma forte personalidade. Do lado do Benfica, o perigo surgia pelas alas, em especial por Coentrão, não só no golo de Jara como noutras situações. Aliás, o esquerdino é o único jogador do Benfica a merecer um destaque individual, não só pelos desequilíbrios que criou, mas especialmente porque, ao contrário do que seria de esperar pelo facto de ter estado no Mundial, pareceu o menos cansado. Na Académica, o destaque óbvio vai para o golo de Laionel, que é do outro mundo, pela intenção, pela forma como chutou, pelo local de onde o fez. Entrou fresco, com capacidade para decidir, e demonstrou muita qualidade.

domingo, 15 de agosto de 2010

Os deuses estão contra nós!

Estou triste, muito triste, mas tenho de desabafar convosco.
A equipa fez o suficiente para ganhar, apesar de não ter jogado bem. Aimar e Saviola estão ainda uma sombra do que podem fazer, Sidnei não tem condições de substituir sem quebras Luisão ou David Luiz, César Peixoto tem muito bons pés mas é lento, muito lento e Cardozo, apagado. Estes foram, para mim, os "menos" do Benfica.
Os "mais" foram Roberto, sem culpas nos golos e que ainda fez uma grande defesa, mostrando segurança, Fábio Coentrão, o melhor, David Luiz e Javi Garcia
Maxi Pereira, apesar de ainda não ter pernas para 90 minutos e Rúben Amorim cumpriram.
Espero melhores dias porque a equipa já deu mostras de que tem valor, mas que me deixa apreensivo, deixa-me.

Talvez já seja tarde

O presidente LFV chamou a si o dossier Danilo Pereira e terá marcado uma reunião com o empresário do atleta, embora talvez já seja tarde.
Como sabemos, o nosso jovem internacional sub-19 está em fim de contrato e apesar da tentativa que está a ser feita para a renovação, a mesma está difícil de se concretizar. Motivo, ao que parece a proposta não satisfaz o jogador que tem meia Itália à perna. Já falados pela imprensa são, Udinese, AC Milan, Fiorentina e agora Inter.
Causa-me alguma estranhesa o facto de se ter deixado para o final da época a renovação. Ou será que o Benfica tentou mas o empresário é que industriou o jogador a não assinar? Cheira-me mais à segunda hipótese!

Preparando o futuro

Ninguém tem dúvidas que hoje em dia os clubes têm de ter referenciados vários jogadores para contratar caso seja necessário.
Com tantas transferências a ocorrer durante os dois períodos em que os clubes podem contratar, ninguém está a salvo de se ver privado dum jogador, às vezes mesmo em cima do fecho do prazo. Quem não estiver preparado para isso pode ser altamente prejudicado em termos desportivos. E isso tem sido visível no actual período que termina a 31 de Agosto.
Todos sabemos que podemos perder David Luiz se alguém "bater" a cláusula, ou andar lá próximo, e desde que o atleta queira partir.
É certo que temos um jovem que muito promete e que merece ser visto com toda a atenção porque parece ser um diamante, caso de Roderick. Mas, dois não são demais! Neste enquadramento, talvez não seja prematuro ter debaixo de olho o jovem que a imprensa vem noticiando desde ontem, um tal Sebastian Coates, jovem uruguaio de 19 anos e 1,96 de altura, internacional sub-20, que joga no Nacional do Uruguai. Cada vez mais, a altura é um factor importante no futebol moderno.

sábado, 14 de agosto de 2010

Se o ridículo matasse

Como se alguém acreditasse que o Bimbo alguma vez tenha sofrido pelo Benfica e menos ainda tanto como sofre com o seu clube.
Este homem é incrível! Tão incrível e sem vergonha que diz que vai escrever sobre o Apito Dourado. Vai dizer o quê, que nas escutas não era ele a falar, era um seu homónimo.
E além de incrível é mentiroso! Ao referir-se ao Benfica diz que lhe é indiferente se perde ou ganha. Queres enganar quem?
Mentiu ainda quando disse que Villas-Boas foi a primeira escolha para suceder a Jesualdo Ferreira. Então e o Jesus, esqueceste que o quiseste reoubar ao Benfica?

As incertezas

A dois dias (agora um) do início do campeonato, ainda se fala e muito de reforços para a equipa, facto que não deveria acontecer.
Pensava que as contratações efectuadas antes da nova época, a par da continuidade da equipa técnica, fossem motivos suficientes para termos um início de época tranquilo nesse aspecto. Afinal de contas estava enganado!
Se é certo que a saída tardia de Ramires veio obrigar a novo ataque ao mercado, o que não é menos certo é que o alvo já deveria ter sido contratado à condição, vindo se necessário ou ficando no seu clube mais algum tempo se não se concretizasse o negócio. Afinal de contas sabia-se que Ramires não só era um alvo apetecido, como não pertencia a 100% ao clube, originando assim grande risco de sermos obrigados a vendê-lo. Confirmou-se hoje oficialmente a sua saída por ter-lhe sido concedida autorização especial de trabalho na Inglaterra.
Para agravar, ainda não estamos livres de mais saídas, embora espere que não se confirme mais nenhuma. Caso contrário seria muito mau para as ambições da equipa.
 
Post publicado no Blog do Manuel.

Futsal renovado e ambicioso

Paulo Fernandes, novo técnico benfiquista, diz que tem o plantel que quis e acha-o até mais equilibrado que o da época passada.
Como sabemos saíram 3 jogadores (José Carlos, José Maria e Ricardinho) e entraram também 3 (Victor Hugo, Diego Sol e Diece), mantendo-se os restantes do ano passado.
Embora lamentando a saída de Ricardinho, P. Fernandes garante que Diece será um substituto à altura.
“Toda a gente está a colar a vinda do Diece à saída do Ricardo. Só os podem colar porque vão ocupar a mesma posição. Agora, são jogadores diferentes. O Diece é um jogador muito bom, vem preencher o lugar do Ricardo, tem características iguais ao Ricardo, outras melhores que o Ricardo, outras com défice. De qualquer forma, para aquele modelo de jogo que estou a implementar no Benfica é um jogador que preenche a todos os níveis aquilo que é pretendido”.
Relativamente aos outros dois reforços garante que a equipa ganha com a troca.
Em suma, Paulo Fernandes faz até ao momento um balanço muito positivo dos primeiros dias de estágio de pré-época.
“Vim encontrar um lote de jogadores com muita qualidade, hábitos de trabalho e a disponibilidade destes tem sido fantástica a todos os níveis.Estabelecemos metas para todos os dias nesta pré-época e estas têm sido com bastante facilidade atingidas pelos atletas”.

É uma pena, mas ...

Wesley, o desejado, está praticamente fora de hipótese,  por estar a um passo de assinar pelos alemães do W. Bremen, a não ser que aconteça um volte-face devido à grande vontade do jogador em vir para o Benfica.
O problema é que os alemães já ofereceram 7,5 milhões e o Benfica 6. 
O presidente já disse que não há dinheiro para contratá-lo, o que é uma pena. E  por falar em dinheiro, é estranho que o motivo seja esse pois foi confirmada hoje a venda de Ramires e é necessário substituir precisamente o queniano. No mínimo é estranho não contratarem o jogador por falta de dinheiro.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Adeus Ramires e Wesley!

Confesso que ainda alimentava uma ligeira esperança de não ser concedida a autorização de trabalho a Ramires por parte das autoridades inglesas.
Sendo assim, resta-me desejar ao "queniano" muita sorte em todos os aspectos da sua vida, excepto no futebolístico quando jogar contra o Benfica.
O treinador italiano do Chelsea (Carlo Anceloti) está felicíssimo com a contratação, dizendo simplesmente que é um jogador fantástico!
Por ironia do destino, no mesmo dia em que morre a última esperança por Ramires, também vemos fugir Wesley para o Werder Bremen.
De acordo com o site GloboEsportes, o anúncio da contratação deve ser feito ainda hoje.

Que confiança!

Após a vitória na Supertaça, a confiança subiu aos píncaros lá para os lados do Dragão! Ainda bem, ainda bem porque a queda pode ser dolorosa.
Miguel Lopes, já incorporou a mística "à Porto" e diz, «Temos um plantel muito jovem, cheio de ambição e querer. Este ano é para ganhar todos os títulos e mais nada. Isso não pode sair da nossa cabeça.»
Este jovem foi formado no Benfica e é mais um daqueles que não conseguiu ultrapassar o trauma da dispensa, assim tipo Rúben Micael.
Por estas amostras se vê porque motivo os corruptos se matam quando jogam connosco.
Daqui uns meses falaremos sr. Miguel Lopes.

Éder Luís, finalmente titular

Éder Luís foi cedido, por empréstimo, ao Vasco da Gama do Rio de Janeiro. 
Depois das férias apresentou-se no Vasco, tendo de começar a preparação, ao contrário dos seus colegas visto que a época no Brasil inicia-se em Janeiro. Este facto prejudicou-o e só nos dois últimos jogos é que actuou, embora sendo suplente utilizado.
Finalmente neste fim de semana irá estrear-se a titular devido ao castigo de Carlos Alberto (ex-FC Porto).
Em declarações à imprensa brasileira, disse "Começar jogando é diferente. Quando você entra não é muito fácil, pois você precisa se adaptar ao jogo e isso leva tempo. Contra o Flamengo tive que me adaptar de cara a um jogo rápido, enquanto que diante do Vitória, tive que correr em dobro, pois estávamos com um a menos. Agora acredito que meu desempenho será melhor".
Oxalá as coisas lhe corram bem e continue titular para que no futuro possa voltar ao Benfica, ou então ser vendido a outro clube para recuperar o investimento de, salvo erro, 3,5 M€.

O substituto de Ramires

Há pelo menos três substitutos conhecidos para Ramires. 
Um deles, o preferido, é Wesley do Santos mas após ter estado de visita ao clube paulista, LFV já veio dizer que o preço é proibitivo e que o Benfica não tem dinheiro para o contratar.
Outro é Elias do Corinthians, ligeiramente mais velho, logo com menos margem de progressão para poder ser rentabilizado no futuro.
E o terceiro, seguindo a ordem em que foram aparecendo nos jornais, é Maylson do Grêmio de Porto Alegre.
Qualquer um dos três é bom, embora para mim a ordem de prioridade seria esta:
Wesley, jogador com grande futuro e capaz de render já no presente. O problema é o preço.
Maylson, também com grande futuro, mais novo que Wesley, mas também bem menos experiente e que necessita de algum tempo para poder render, tal como aconteceu com Airton e Kardec.
Elias, apesar de ser mais experiente (25 anos) para mim seria a 3ª opção, precisamente por não ter a margem de progressão, face à idade, para poder ser rentabilizado no futuro, além de que também não é barato.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

LFV no LancePress!

Presidente da equipe de Lisboa poderia estar procurando o 
substitudo de Ramires (Crédito: Ivan Storti) 


Presidente do Benfica diz que não sabe se conversou com Wesley

Luís Filipe Vieira garante que não visitou o Santos atrás do volante

O presidente do Benfica (POR), Luís Filipe Vieira, fez uma visita ao Santos e conheceu as instalações do CT Rei Pelé e da Vila Belmiro, nesta quinta-feira. No hotel do Peixe, o mandatário dos Encarnados conversou com diversos jogadores, inclusive o lateral-esquerdo Léo, que atuou pela equipe portuguesa. Questionado sobre se falou com o volante Wesley, jogador que tem seu nome ventilado pela imprensa portuguesa como um possível reforço do Benfica, ele disse que não sabia quem era o atleta.
- Nesse momento, não fizemos propostas por ninguém. Estivemos no hotel do Santos e conversamos com alguns jogadores que estiveram no Benfica, como o Léo e Marcel, por exemplo. Conversei com alguns jogadores, mas não sei se um deles era o Wesley - declarou, após garantir que a visita ao Santos não foi com a intenção de contratar nenhum jogador, mas sim para estreitar a relação com o Peixe.
Com a demora na movimentação do clube português, o Werder Bremen (ALE) se adiantou e aumentou sua investida pelo jogador para 7,5 milhões de euros (R$ 17 milhões). A oferta foi confirmada pelo presidente do Peixe, Luis Álvaro Ribeiro, que garantiu adotar a mesma postura em relação ao caso de Neymar. Ou seja, só vende o jogador com o pagamento da multa rescisória, de 10 milhões de euros (R$ 22,7 milhões).
- O Wesley está sob contrato e não está à venda. O Santos não tem interesse em alienar os direitos econômicos e federativos de nenhum dos atletas titulares do clube, mas se renderá a realidade do que está previsto em contrato. Não existe tempo de escravidão no futebol. O jogador é livre para escolher onde vai trabalhar, mas sob contrato, esta possibilidade fica amarrada à uma cláusula de saída, que é o pagamento da multa rescisória. Isso vale para cá e para lá - finalizou.

Esta é a transcrição integral da notícia que achei interessante publicar!

LFV manda recado!

Aproveitando o facto do Benfica ter no seu plantel muitos jogadores brasileiros, o presidente LFV no seu discurso na Federação Paulista de Futebol, mandou um recado indirecto aos jogadores benfiquistas.
"Quando achamos que sabemos tudo, quando estamos acomodados ao que já fizemos, é o primeiro sinal de que a nossa vontade já não é a mesma. E se há coisa que peço aos profissionais, aos sócios e aos jogadores do Benfica é que nunca se conformem com o que já fizeram e já ganharam".
Oxalá os nossos jogadores tenham entendido a mensagem e oxalá também que a exibição desgarrada e péssima contra os corruptos não tenha passado dum dia não!
É imprescindível que o Benfica volte a conquistar o campeonato nacional porque só assim acaba com a hegemonia corrupta, provocando-lhes não só a asfixia financeira, como uma machadada no orgulho.

Pietra descansa os sócios/adeptos

Quando muitos benfiquistas se encontram receosos e pessimistas sobre o futuro, nada melhor que ouvir (ler) o que diz o técnico-adjunto Pietra, ao jornal do clube.
Vamos esquecer o passado e confiar no futuro. Compreendo que foram muitos anos de insucessos e desilusões, mas não se esqueçam que na época passada nunca aconteceram duas derrotas seguidas, ao contrário de outros anos.
Pietra na primeira pessoa a falar:

"Desde que Jesus entrou no Benfica nada voltou a ser como dantes!"
A derrota frente ao FC Porto para a Supertaça não o traz preocupado – “isso era dantes, quando um percalço fazia baralhar as ideias de quem cá trabalhava…” Agora os tempos são outros. E ninguém como Minervino Pietra tem autoridade para falar do Benfica da forma como o faz.

Já digeriram a derrota de sábado passado?
"Sim. É passado. É passado! A nossa preocupação é o futuro e o futuro está aí já no jogo de domingo. Não é uma prestação menos conseguida que nos vai desviar dos nossos objectivos."

Consegues perceber, agora depois de alguns dias passados, porque é que a equipa não funcionou?
"É difícil… é difícil… quando o trabalho que é desenvolvido até ao jogo é de qualidade, quando existe uma enorme união entre todos, não é fácil, em função de uma prestação menos conseguida, entender os porquês. O rigor, a seriedade e o trabalho estavam lá. Há jogos que não têm explicação. Sabemos por experiência própria que não há equipa nenhuma no mundo que consiga manter sempre a bitola no máximo. O que eu posso dizer, e de uma forma muito directa e muito pessoal, é o seguinte: desde que o Jorge Jesus entrou no Benfica nada voltou a ser como dantes. E é isso que eu digo aos sócios do Benfica: nada é como dantes!"

O FC Porto surpreendeu-te?
"Não!"

Estavas à espera daquela equipa, daquele jogo?
"Sinceramente não me surpreendeu nada. Penso que não foi um jogo bem disputado, sem grande qualidade, o futebol praticado tanto por uma equipa como por outra foi pobre. De alguma forma isso é compreensível, era o primeiro jogo da época, alguns jogadores ainda fora de forma, novos elementos… Nem o Benfica fez um jogo tão mau, nem o FC Porto fez um jogo tão bom."

Alípio reapareceu

Depois de um tempo de silêncio sobre este jovem jogador, ei-lo na capa do Record de hoje.
Existem muitas dúvidas de como chegou ao Benfica, quanto custou, quais os objectivos da aquisição. Seria importante que a SAD viesse esclarecer estas dúvidas, principalmente o preço, senão corre o risco de ser acusada de ter adquirido este jovem, assim como Rodrigo, para baixar o preço a pagar pelo Real Madrid por Di Maria.

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Os reforços da imprensa

Todos os dias o Benfica é reforçado através da imprensa.
Por esta altura, estão para entrar Wesley, Elias, Ben Arfa, Fernandinho, Maylson, pelo menos estes.
Destes, afinal um já não pode ser porque o seu clube não o vende, caso do brasileiro Fernandinho.
Quem poderá ser reforço é Ramires se as autoridades inglesas negarem a licença especial de trabalho, o que diga-se de passagem, seria a melhor notícia que os benfiquistas podiam ter.
Ramires não reúne os requisitos mínimos que são ter sido convocado para 75% dos jogos da selecção brasileira nos últimos dois anos. Como se sabe, só nas vésperas de ingressar no Benfica foi convocado pela 1ª vez.
E esta eventual não concessão de autorização a Ramires, permitir-nos-ia dormir descansados por David Luiz!
Aguardemos até 6ª feira para saber sobre Ramires.

Javi Garcia e a especulação!

Bastou não ter sido titular no primeiro jogo oficial da época para começar a especulação sobre Javi Garcia.
Como quem não quer a coisa, surgem notícias do nada especulando que existem clubes ingleses atentos à situação e interessados no concurso de Javi, falando-se em ofertas de 18 milhões de euros.
Que Javi tenha mercado todos sabemos. Agora, aproveitarem o facto de eventualmente ter ficado desagradado por não ter sido titular e virem logo que este tipo de notícias, cheira a mais uma tentativa de desestabilização.
Basta senhores! Não conseguirão os objectivos, até porque Javi está de corpo e alma no Benfica. É apenas uma questão de tempo e voltará à sua melhor condição física.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Nortadas à MST

Há pessoas que mentem como quem bebe água. É preciso não ter vergonha na cara!
Miguel Sousa Tavares na sua Nortada da semana passada:
«...este F.C.Porto, que acumulou duas derrotas nos dois jogos do Torneio de Paris, ao contrário do que diz o seu treinador, não está minimamente preparado para enfrentar o Benfica daqui a 5 dias. E muito me espantaria que em cinco dias conseguisse recuperar o atraso para a equipa de Jorge Jesus, que arrancou para esta época com a mesma pedalada da anterior...»; « ...E seria milagre que o FC Porto não começasse já a pagar um preço no jogo com o Benfica para a Supertaça.»

Miguel Sousa Tavares na sua Nortada desta semana:
«Escrevi na semana passada que, pelo que me tinha sido dado a ver do jogo do F.C.Porto contra o Bordéus e pelo que ia lendo das crónicas dos jogos da pré-época do Benfica, me parecia que os portistas não estavam preparados para se baterem contra os encarnados ao nível mais alto e que só um milagre os conseguiria fazer recuperar o atraso numa semana. Na verdade, toda a gente pensava o mesmo, mas eu até nem pensava exactamente assim: tratou-se também de uma provocaçãozinha à equipa, para ajudar a despertar o Dragão e apelar ao espírito de conquista e ao brio que é uma das imagens de marca das equipas do F.C.Porto, venha quem vier, saia quem sair.»



Como as coisas mudaram!

Há algum tempo (anos) atrás, não era normal os jogadores não manifestavam espontaneamente muito interesse em virem para o Benfica. As coisas mudaram!
Além do Wesley que terá manifestado que entre o Werder Bremen e o Benfica preferia o Benfica.
Agora, Elias do Corinthians que tem sido falado como alvo de interesse mas ainda nada de concreto, veio dizer que gostaria de jogar no Benfica porque é um grande da Europa e que só sai do seu actual clube para um com nome na Europa.
Como as coisas mudaram!

Três reforços?

Será verdade que Jesus quer mais três reforços até final do mês?
Se for mesmo verdade, vamos fazer um exercício de imaginação quanto ao 3º reforço.
Todos sabemos que um será médio para colmatar a saída de Ramires, outro será um extremo para substituir Di Maria. E o terceiro? Será um lateral direito, um lateral esquerdo, ou um médio?
Espero que os que vierem sejam bem escolhidos pois nesta altura não dá para errar e jogadores excedentários já temos bastantes.
Por falar em excedentários, oxalá se confirme a venda de Halliche para a Inglaterra. E seria óptimo vender também Yebda e Makukula que têm algum mercado, ao contrário de Balboa, Zoro e Jorge Ribeiro.

A estreia de David Luiz na canarinha

Tudo indica, como já aqui disse ontem, que David Luiz se estreará hoje pela selecção A brasileira.
Quem quiser assistir à partida, que terá início à 1 hora da madrugada em Lisboa, pode fazê-lo neste link.
A equipa provável será esta:
Victor (Grêmio); Daniel Alves (Barcelona), Thiago Silva (AC Milan), David Luiz (Benfica) e André Santos (Fenerbahce); Lucas (Liverpool), Ramires (Benfica/Chelsea) e Ganso (Santos); Robinho (M. City/Santos), Neymar (Santos) e Alexandre Pato (AC Milan)

Helton e Felipe

Os dois mais recentes reforços do Braga, o avançado Helton (Vasco da Gama) e o guarda-redes Felipe (Corinthians) vieram para o Sporting de Braga por empréstimo. O primeiro porque perdeu a titularidade no clube vascaíno e o segundo porque está em litígio com a direcção dos corintianos.
São dois bons reforços, especialmente o guarda-redes Felipe, que poderia ter sido convocado para a canarinha se não estivesse sem competir há cerca de 3 meses.
Não se sabe exactamente os contornos dos empréstimos, mas há notícias que não são muito animadoras para os adeptos bracarenses se se confirmar a notícia do Record.
A ser verdade, poderão sair de Braga em Dezembro.
Related Posts with Thumbnails